Política

Campanha eleitoral: exigências e restrições para uso de plataformas digitais

Da Redação*
Publicado em 9 de julho de 2024 às 10:54

mulher computador

Foto: Pixabay

Continua depois da publicidade

Em recente entrevista, o renomado advogado Rodrigo Rabelo, especialista em Direito Eleitoral, destacou as principais regras e restrições que os candidatos devem observar ao utilizarem redes sociais durante o período eleitoral. Segundo Rabelo, a legislação eleitoral prevê normas específicas para garantir a transparência e a igualdade de condições entre os concorrentes.

– O candidato vai ter suas redes oficiais e vai ter que comunicar através do seu registro de candidatura. Ele pode ter o canal do YouTube, até porque muitos utilizam para divulgar os guias eleitorais. Com relação ao impulsionamento, temos restrições porque tudo vai para a prestação de contas. O impulsionamento tem que manter um padrão na pré e durante a campanha. Através do YouTube também é possível transmitir as convenções – explicou.

De acordo com o advogado, a utilização das redes sociais deve ser feita de maneira estratégica e responsável. O uso do YouTube, por exemplo, permite que os candidatos alcancem um público maior e apresentem suas propostas de forma mais dinâmica. No entanto, é imprescindível que todas as despesas relacionadas ao impulsionamento de conteúdo sejam devidamente registradas e prestadas contas à Justiça Eleitoral.

Veja a entrevista em vídeo:

*Vídeo: ParaibaOnline

 

Inscreva-se no canal do YouTube do ParaibaOnline e você será notificado sobre o conteúdo de novos vídeos.

Acesse o endereço abaixo e ative o ´sino´.

Clique aqui

 

 Siga nosso Instagram: @paraiba_online

Valorize o jornalismo profissional e compartilhe informação de qualidade!

ParaibaOnline

© 2003 - 2024 - ParaibaOnline - Rainha Publicidade e Propaganda Ltda - Todos os direitos reservados.