Brasil

Rio tem novo recorde de sensação térmica: superior a 60 graus

Da Redação*
Publicado em 17 de março de 2024 às 20:04

2024 imagem ilustrativa temperatura - termômetro

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Continua depois da publicidade

A cidade do Rio de Janeiro teve o segundo recorde consecutivo de sensação térmica neste fim de semana. Como no sábado (16), o recorde deste domingo (17) foi verificado na estação meteorológica de Guaratiba, com 62,3⁰C.

No dia anterior, a sensação térmica do bairro na zona oeste da cidade havia batido 60,1⁰C, pouco acima do recorde anterior, de 59,7⁰C de novembro de 2023.

O forte calor levou muitos cariocas e turistas às praias da zona sul da cidade, que ficaram lotadas.

A capital fluminense está sob alerta amarelo para onda de calor desde a sexta-feira (15), com previsão de que as temperaturas fiquem 5°C acima da média por dois ou três dias.

“As temperaturas estarão elevadas, principalmente no domingo e na segunda-feira”, disse na sexta a meteorologista-chefe do Sistema Alerta Rio, Raquel Franco.

Segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), além do Rio de Janeiro, estados como Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo também são afetados pela onda de calor.

As altas temperaturas ocorrem por causa de uma massa de ar quente e seco que impede o avanço de frentes frias que poderiam amenizar a temperatura.

Pelas normas do Inmet, para ser uma onda de calor, a temperatura precisa ficar 5°C acima da média por mais de três dias e em uma grande área.

São Paulo bate recorde de temperatura de março

Com 34,7°C, a cidade de São Paulo teve no sábado (16) o dia mais quente do ano e a maior temperatura para o mês de março em ao menos 81 anos, desde que o Inmet passou a fazer a estatística, em 1943.

A temperatura foi alcançada às 15h no mirante de Santana, na zona oeste, responsável pela medição oficial na capital paulista, mas só foi aferida manualmente à noite pelo instituto.

À tarde, o Inmet havia dito que a temperatura máxima havia chegado a 33,9°C às 15h, mas com alerta de que o dado poderia mudar às 21h, quando seria realizada a verificação derradeira.

Neste domingo (17), a máxima às 15h na estação convencional do mirante foi de 34,3°C –o dado pode ser corrigido à noite.

A maior marca para um mês de março, de 34,3°C, havia sido registrada em 2012.

Essa mesma temperatura era o recorde do ano até agora, medida nas últimas quinta (14) e sexta (16), e nos dias 8 e 9 de janeiro.

*NICOLA PAMPLONA/Folhapress

Valorize o jornalismo profissional e compartilhe informação de qualidade!

ParaibaOnline

© 2003 - 2024 - ParaibaOnline - Rainha Publicidade e Propaganda Ltda - Todos os direitos reservados.