Esportes

Série A: campanha do Flamengo valoriza ‘esquecidos’ e planta dúvidas no técnico Tite

Da Redação
Publicado em 6 de julho de 2024 às 14:47

tite treinador do flamengo

Foto: Ascom/Flamengo

O técnico Tite já ganha algumas dúvidas com o rendimento do Flamengo durante a Copa América. Jogadores com poucos minutos receberam mais chances, mostraram seu cartão de visita e tentam garantir a vaga como titulares mesmo após o retorno dos companheiros.

Arrascaeta, De la Cruz, Varela e Viña seguem nas seleções. Eles avançaram às quartas com o Uruguai. Erick Pulgar retornou e já se colocou à disposição. O chileno foi eliminado ainda na primeira fase e entrou no segundo tempo da vitória sobre o Atlético-MG.

Dois jogadores que tinham poucos minutos e aproveitaram as chances foram Wesley e Léo Ortiz. Ambos viraram titulares de Tite nesse período e estão se destacando. Outros atletas, como Lorran e Victor Hugo, ganharam oportunidades, mas oscilaram.

O lateral-direito foi um dos poucos usados por 90 minutos em todas as partidas. Mesmo com desgaste físico, Wesley tem sido um ponto de segurança para Tite. Somente o goleiro Rossi tem a mesma quantidade de minutos.

Questionado antes, ele tem sido bastante elogiado. O período afastado do time titular serviu para o jovem retomar a confiança e voltar a jogar bem. Tite é um entusiasta do futebol do garoto, mas viu Varela ir melhor desde o final do ano passado, sem dar muitas brechas.

Ortiz surpreendeu. Ele voltou às origens como volante e se tornou um ponto de segurança para o Fla. Sem espaço na zaga, atuou no meio em todas as partidas durante a Copa América e só não foi titular uma vez, quando foi acionado no intervalo.

Mesmo com o retorno de Pulgar, Ortiz não saiu do time. Tite terá os próximos dias para definir quem de fato seguirá como titular na equipe. O treinador gostou da formação com Allan e Ortiz dando mais consistência à marcação da equipe e testou o chileno na véspera do jogo em Belo Horizonte.

O posicionamento de Gerson é um pouco mais flexível. O camisa 8 já vinha jogando com o time completo e pode ser novamente deslocado para a ponta direita quando Arrascaeta e De la Cruz retornarem. Ele, entretanto, vem rendendo bem sem os uruguaios e é o líder técnico da equipe. Com espaço para circular, ele tem sido o destaque absoluto da equipe no período.

Tite abriu mão dos três atacantes, mas Luiz Araújo pode dificultar o retorno ao esquema anterior. Sem muitas opções, o técnico não teve alternativa se não retomar s trio de frente e viu no camisa 7 uma solução. Um dos destaques do período da Copa América, ele vem sendo muito elogiado.

Dentre os convocados, De la Cruz e Viña despontam para retornar em alta. Titulares no Uruguai, os dois têm sido decisivos na seleção. Arrasca foi utilizado, enquanto Varela segue sem oportunidades.

*Uol/Folhapress

*Instagram do nosso site: @paraiba_online

Valorize o jornalismo profissional e compartilhe informação de qualidade!

ParaibaOnline

© 2003 - 2024 - ParaibaOnline - Rainha Publicidade e Propaganda Ltda - Todos os direitos reservados.