...

Campina Grande - PB

Trabalhadores da saúde retomam atividades, mas Sintab garante que a luta continua

20/06/2017 às 11:19

Fonte: Da Redação*

Os servidores da Saúde de Campina Grande retomaram as atividades nesta segunda-feira, 19, conforme decisão judicial quando decretou, na semana passada, a ilegalidade da greve.

O vice-presidente do Sintab, Giovannni Freire, disse que a decisão foi cumprida devido à ameaça de corte de ponto dos trabalhadores e multa ao sindicato, mas que o sentimento de greve continua nos servidores, que, segundo ele, não tiveram os pleitos atendidos pelo Poder Executivo.

Foto: Ascom

Entre as reivindicações da categoria está o pedido da regulamentação do PCCR da saúde, através de uma portaria que determina uma comissão de avaliação das titulações, e o PCCR dos agentes de saúde e os de combate às endemias.

– No PCCR do ACS e ACE o que falta é a transição da letra B para a C, que foi prometida pela Secretaria de Saúde no início do ano, e não foi cumprido. A secretária prometeu que seria no mês de maio e é preciso que a lei se cumpra – lamentou.

Giovanni ainda falou que os servidores estão abertos à negociação, e o jurídico do sindicato deve entrar com uma contestação na Justiça sobre a ilegalidade, pois segundo ele, o Poder Judiciário apenas levou em consideração o pleito da Prefeitura e não analisou o da categoria.

Com relação à afirmação do procurador-geral do município, José Fernandes Mariz, que afirmou ser política a mobilização dos servidores sindicalizados, Giovanni disse ser sim um movimento político, mas sindical e não partidário, que luta pelos direitos dos trabalhadores.

O sindicalista ainda ressaltou que a luta da classe vai continuar, apesar da decisão judicial, e o sindicato estará sempre pronto para encaminhar as lutas dos trabalhadores ao governo municipal.

Uma nova assembleia está sendo marcada para o próximo dia 22, às 9h no Cine São José.

*Informações da Rádio Campina FM.

Veja também

Comentários