Fechar

logo
logo

Fechar

Covid-19: infectologista explica necessidade da vacina de reforço

Da Redação*. Publicado em 25 de novembro de 2021 às 11:41.

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O médico infectologista Fernando Chagas reforçou a necessidade da aplicação de segundas doses e doses de reforço das vacinas contra a Covid-19. Ele estimou que pelo menos 400 mil paraibanos estão com atraso nessa vacinação.

Fernando pontuou ainda, durante entrevista à Rádio CBN FM, a necessidade de continuar utilizando a máscara, uma vez que esse utensílio diminui em 53% o risco de transmissibilidade do coronavírus, e é, de fato, uma medida não farmacológica essencial, que deve ter sua obrigação discutida um pouco mais para frente, quando a cobertura vacinal estiver maior.

“As nossas vacinas foram produzidas para gerar o máximo de eficiência com as duas doses. O que acontece é que observou-se que após alguns meses, mesmo que a imunidade esteja boa, essa eficiência vai caindo, tanto a resposta celular, como a própria resposta da ação dos anticorpos, principalmente com a chegada de variantes, como por exemplo a Delta”, completou.

Ainda nesse aspecto de dose de reforço, o especialista enfatizou o motivo de a dose de reforço, tida para muitos como terceira dose, precisa ser de uma vacina diferente da tomada anteriormente.

“Eu tomei duas doses da CoronaVac, criei uma imunidade eficiente, mas com o passar do tempo foi caindo a resposta e faz-se necessário a dose de reforço. Vou tomar uma vacina com uma tecnologia diferente, para que haja um outro tipo de estímulo, diferente da anterior, aumentando a probabilidade de mais resposta imunológica”, exemplificou.

Contudo, o infectologista destacou também que a regra é a mesma para quem tomou a vacina da Janssen, reconhecida anteriormente como dose única.

“Quem tomou uma dose da Janssen, tem que tomar uma segunda dose da mesma, para depois em um outro momento tomar o reforço de uma vacina com uma tecnologia diferente”.

arremate
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube