Fechar

logo
logo

Fechar

Paraíba registra redução de ataques a banco

Da Redação com Secom/PB. Publicado em 26 de julho de 2021 às 17:44.

A Segurança Pública da Paraíba finalizou mais um semestre alcançando indicadores positivos de redução da violência no Estado.

De janeiro a junho de 2021, os números do Núcleo de Análise Criminal e Estatística (Nace) da Secretaria da Segurança e da Defesa Social (Sesds) apontam que houve uma redução de ataques a bancos (-40%) e roubos de veículos (-9%), e um aumento na apreensão de drogas e armas no território paraibano, em relação ao mesmo período de 2020.

O número de mulheres assassinadas também foi reduzido em 18%, como resultado de ações de prevenção à violência doméstica e de políticas públicas voltadas a essa área.

O relatório semestral de Indicadores Criminais mostra que nos primeiros seis meses de 2021 aconteceram seis ocorrências de crimes contra instituições bancárias contra 10 no mesmo período do ano passado. Desde 2016, o número de casos saiu de 120 para 16 em 2016, representando uma queda de 89%.

Em relação ao roubo de veículos, as ocorrências caíram tanto na subtração de carros como de motos. No mesmo período, 1.834 veículos foram recuperados pelas forças policiais e devolvidos aos seus proprietários.

“A segurança pública tem recebido uma atenção especial e nós temos promovido ações, obras, investimentos, formação e preparação de pessoal para melhorar tanto os nossos quadros, quanto a infraestrutura e os números apresentados nesse primeiro semestre são importantes, fazendo com que o estado se posicione muito bem no ranking do Centro de Lideranças Públicas em que somos o quinto melhor avaliado no país no segmento”, avaliou o governador João Azevêdo no programa semanal Conversa com o governador, transmitido em cadeia estadual pela Rádio Tabajara.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

Apreensão de armas e drogas – Um total de 1.652 quilos de drogas foi retirado das ruas, sendo 1.585 quilos de maconha, 19 quilos de crack e 48 quilos de cocaína, 28% a mais do que no 1º semestre de 2020.

Já as ações de enfrentamento do porte ilegal de armas de fogo contabilizaram 1.749 revólveres, pistolas, espingardas e outros tipos de armamento apreendidos, 6% a mais que nos seis meses do ano passado, quando deixaram de circular 1.656 armas de fogo.

Operações e prisões – O trabalho dos órgãos operativos das forças de Segurança resultou na prisão de 9.401 autores de crime no Estado, sendo 1.602 delas por crimes graves, como assassinatos, crimes patrimoniais, incluindo roubos de veículos e pessoas com mandados de prisão em aberto. Para isso, foram realizadas 4,6 ações de prevenção e repressão qualificada.

Salvamentos e resgates – Durante o 1º semestre de 2021, 69 vidas foram salvas com a atuação dos bombeiros militares da Paraíba, em ações de socorro a vítimas de tentativas de homicídio.

Outras 1.673 pessoas foram resgatadas pelo Corpo de Bombeiros Militar em acidentes de trânsito, nas regiões de João Pessoa, Campina Grande e Patos.

Prêmios por redução de mortes – 9,8 mil servidores da Segurança Pública, entre policiais civis, penais, militares e bombeiros militares, serão contemplados com o Prêmio Paraíba Unida pela Paz.

O Governo do Estado vai pagar mais de R$ 4 milhões em premiação por resultados positivos na redução de homicídios no 1º semestre de 2021. Ao todo, nove Áreas Integradas de Segurança Pública (Aisp), definidas pela Lei Complementar 111/2012 tiveram queda nas ocorrências desses crimes.

arremate
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube