Filha de gari e vigia alcança aprovação em Medicina na UFPB

Da Redação

Publicado em 05/02/2024 às 19:15

Valorize o jornalismo profissional e compartilhe informação de qualidade!
Foto: Arquivo pessoal

Foto: Arquivo pessoal

Mais uma história de superação e determinação foi celebrada, com a aprovação no curso de Medicina na Universidade Federal da Paraíba (UFPB), por meio do Sisu 2024, da estudante Angélica Oton, uma jovem de 20 anos. A estudante de Boa Ventura, interior da Paraíba, é filha de gari e vigia, e alcançou a nota 877,55 no Sisu, na modalidade ampla concorrência com bônus regional,

Maria do Rosário, mãe de Angélica, ao retornar do trabalho, regularmente comprava borrachas para apagar respostas antigas nos livros doados para sua filha. A dedicação aos estudos, embora enfrentando obstáculos financeiros, resultou na aprovação que a conduziu à realização do sonho de cursar medicina.

Os desafios financeiros eram uma constante na vida da família, que pagava uma taxa de R$ 150 pelo transporte até a escola em uma cidade vizinha.

Angélica, bolsista em uma escola de Itaporanga, acordava antes do sol nascer para assistir às aulas diárias. No entanto, sua determinação não foi recompensada nas primeiras tentativas do Enem. Foi somente na terceira tentativa que a aprovação veio, solidificando o esforço da jovem.

Diante da falta de recursos para cursinhos, Angélica contou com a generosidade de doações de livros e apostilas como sua principal estratégia de estudo. A falta de condições financeiras também a levou a acompanhar aulas online no YouTube, enfatizando a teoria e dedicando até 11 horas por dia aos estudos.

2021 - ParaibaOnline - Rainha Publicidade e Propaganda Ltda - Todos os direitos reservados.

BeeCube