Ipês colorem praças de João Pessoa

Da Redação

Publicado em 06/12/2023 às 17:05

Valorize o jornalismo profissional e compartilhe informação de qualidade!

Foto: Kleide Teixeira/Secom/JP

A floração dos ipês encanta pela diversidade de cores. Em João Pessoa, de acordo com a Secretaria de Meio Ambiente (Semam), existem aproximadamente três mil árvores de ipês, localizadas em áreas públicas como canteiros de ruas e avenidas, praças e escolas. Por isso, o ipê amarelo foi escolhido em votação popular como a árvore símbolo da capital paraibana.

Os ipês estão no período de floração, que começa em setembro e vai até dezembro. Mas por causa das mudanças climáticas – calor e poluição ambiental – o período de floração está irregular – as árvores não florescem todas de uma vez.

Em João Pessoa, para garantir a saúde das árvores, é feito o manejo correto das plantas – podas, tratamento fitossanitário, acompanhamento das árvores com equipamento de ultrassom.

Foto: Kleide Teixeira/Secom/JP

Foto: Kleide Teixeira/Secom/JP

Esse equipamento permite que os técnicos avaliem a parte interna dos troncos, verificando se existem fungos e outros microrganismos que possam comprometer a saúde das árvores.

De acordo com o engenheiro agrônomo Anderson Fontes, diretor de Controle Ambiental da Semam, o cuidado com as árvores envolve o manejo correto das plantas.

“São feitas podas de assepsia, retirando galhos secos, com fungos e parasitas e também a retirada de ervas de passarinhos – plantas que nascem nos galhos, alimentando-se da seiva da árvore, deixando a planta enfraquecida. Também foi feita a correção, o melhoramento da adubação dos ipês, no sistema radicular, contribuindo para o fortalecimento das raízes”, afirmou.

Os ipês localizados em áreas públicas da cidade, como na Praça da Independência e Parque Solon de Lucena, têm aproximadamente 120 anos.

A floração proporciona um momento raro na natureza, com a exuberância das flores nos galhos e também com os ‘tapetes’, formado pelas flores que caem ao redor dos troncos.

O ipê é uma árvore nativa do Brasil e pode ser encontrado em todas as regiões. A madeira é considerada de excelente qualidade, de cor castanho-oliva, com veios mais escuros. No período da floração, a árvore perde todas as folhas, que dão lugar às flores, amarelas, brancas e em vários tons de rosa.

Viveiro florestal – As mudas de ipê, usadas no plantio urbano pela Semam, são produzidas no Viveiro Florestal. Quem tiver interesse em pegar uma muda de ipê é só se dirigir ao Viveiro, na Rua Embaixador Sérgio Vieira de Melo, s/nº, próximo ao Sesc Gravatá, no Valentina Figueiredo. O Viveiro funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h e das 13h às 16h.

2021 - ParaibaOnline - Rainha Publicidade e Propaganda Ltda - Todos os direitos reservados.

BeeCube