...

Campina Grande - PB

Para cientista político, permanência de Temer na presidência é insustentável

19/05/2017 às 21:18

Fonte: Da Redação

O presidente Michel Temer se pronunciou após as acusações de compra de silêncio do ex-presidente da câmara, Eduardo Cunha.

Em seu pronunciamento, Temer negou as acusações feitas em delação pelo empresário, dono da JBS, e disse que não vai renunciar a presidência da república, mas especialistas alegam que o escândalo prejudicou muito a vida política do peemedebista.

Em entrevista nesta sexta-feira (19), o  professor e cientista político, Fábio Machado, disse que a situação de Temer é insustentável do ponto de vista político.

A democracia sobrevive por leis e regras e o Supremo deve estar atento para que não tenhamos lideranças messiânicas para se aproveitar desse momento. Acho que a gente deve resolver esses problemas dentro do quadro institucional da democracia e exigir que a classe política colabore com a resolução. A permanência do presidente do ponto de vista político é praticamente insustentável. Há um desgaste muito grande pra ele liderar e continuar as reformas. A gente precisa de uma liderança a frente do planalto que não paire sobre ela nenhuma dúvida ou escândalo – salientou.

As declarações repercutiram na Rádio Campina FM

Veja também

Comentários