Apresentador da Globo é vítima de deepfake com ofensa a Lula e Alckmin

Da redação com Folhapress

Publicado em 02/08/2022 às 18:25

Valorize o jornalismo profissional e compartilhe informação de qualidade!
Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – É falso o vídeo em que o jornalista William Bonner chama os candidatos Lula, do PT, e Geraldo Alckmin, do PSB, de ladrões.

O conteúdo viralizou na última semana em redes bolsonaristas e mostra o apresentador do Jornal Nacional anunciando a imagem de um ladrão.

O vídeo é resultado de um processo de deepfake, no qual o rosto de uma pessoa pode ser inserido em outra situação, assim como sua voz alterada ou recriada por meio de programas de computador.

O vídeo em questão cria falas que Bonner jamais disse durante a exibição do noticiário noturno.

“Perdão, imagem errada. A imagem seria de outro ladrão, digo, de um ladrão de verdade” é uma das falas do vídeo falso.

Não é a primeira vez que um nome famoso é vítima de deepfake. No início da última semana, a cantora Anitta teve seu rosto inserido digitalmente em um vídeo pornográfico, no qual uma mulher pratica sexo oral.

Colunistas

2021 - ParaibaOnline - Rainha Publicidade e Propaganda Ltda - Todos os direitos reservados.

BeeCube