Fechar

logo

Fechar

Um ano após acesso, Treze vive situação preocupante na Série C

Da Redação. Publicado em 8 de julho de 2019 às 16:40.

O torcedor trezeano tem uma ótima lembrança recente do dia 8 de julho. Há um ano, o Treze fez jogo histórico contra o Caxias, em pleno estádio Centenário, venceu por 3 a 1 e garantiu acesso à Série C do Campeonato Brasileiro.

Foto: Ascom / Treze FC

Mas nesta segunda-feira (08), quando o elenco comandado por Luizinho Lopes se reapresentou após derrota para o ABC, o sentimento é de preocupação.

O resultado colocou o Galo na lanterna do Grupo A, com os mesmos nove pontos do ABC, faltando sete rodadas para o término da primeira fase.

Das sete rodadas restantes, o Treze faz quatro jogos em casa (Imperatriz, Globo, Ferroviário e Botafogo-PB) e três fora (Náutico, Sampaio Corrêa e Confiança).

Com base na tábua de classificação final da primeira fase do ano passado, 20 pontos são suficientes para se livrar da degola. O problema é o Alvinegro consegui manter a regularidade para conquistar os resultados suficientes para alcançar o objetivo.

Dos cinco jogos em que foi mandante até então, o Galo venceu dois (Sampaio e Santa Cruz), perdeu dois (Náutico e Confiança) e empatou um (ABC).

Outra estatística que incomoda a torcida alvinegra é em relação ao desempenho longe de Campina Grande. Se hoje faz um ano da vitória contra o Caxias e o acesso à Série C, completa-se também 365 dias que o Treze não consegue vencer fora de casa.

São 11 jogos nesse período, sendo dois pela Série D 2018, três pelo Paraibano 2019 e seis pela Terceirona que está em curso.

Há um ano também o Galo não consegue vencer duas partidas seguidas. A última vez que isso aconteceu foi justamente contra o Caxias, batido pelo time paraibano duas vezes no mata-mata do acesso da quarta divisão do ano passado.

Personagem importante no feito da temporada 2018, o meio-campista Coppetti foi escalado para a coletiva de imprensa desta segunda-feira, antes da reapresentação do elenco.

– A gente fica feliz, porque é aniversário de uma data que foi importante no ano passado. Mas a gente sabe que a realidade hoje é outra. Então a gente tem que esquecer um pouco a comemoração e trabalhar. Porque só trabalhando a gente vai sair dessa situação – comentou o volante.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube