...

Campina Grande - PB

LIBERTADORES

Tite descarta poupar atletas para evitar suspensões na Copa

16/09/2017 às 12:53

Fonte: Da Redação com Gazeta Net

Por determinação da Fifa, apenas os jogadores que forem expulsos por suas seleções na última partida válida pelas Eliminatórias terão de cumprir suspensão automática na estreia da Copa do Mundo, em junho de 2018, na Rússia. Suspensões pelo acúmulo de três cartões amarelos não serão levadas ao Mundial, portanto.

Ainda assim, o técnico da Seleção Brasileira, Tite, descarta poupar atletas contra o Chile, na despedida do Brasil nas Eliminatórias Sul-Americanas. Na ocasião, o adversário estará disputando uma das outras três vagas diretas ao Mundial. “Não”, sintetizou ao ser indagado sobre se tal situação influenciaria na escalação do dia 10 de outubro.

“Temos dois caminhos: o de fortalecer a equipe, de jogar com essas situações diferentes, com esse risco que se corre, ou se encolher. E isso não se faz. Tem que brigar no mais alto nível, com as pressões que tem”, ressaltou o treinador, na sexta-feira, após divulgar lista de convocados para os duelos com Bolívia e Chile.

Foto: Pedro Martins/MoWa Press)

Tite confia que a conduta de seus jogadores não permitirá que a equipe tenha desfalques na estreia da Copa. Contra a Colômbia, por exemplo, eram oito brasileiros pendurados: Miranda, Filipe Luís, Casemiro, Fernandinho, Giuliano, Renato Augusto, Neymar e Gabriel Jesus. Nenhum deles foi advertido com cartão e, à exceção de Giuliano, que não foi convocado, todos estão à disposição para o duelo com a Bolívia, em 5 de outubro, em La Paz.

“Corremos o risco com oito atletas nessa partida contra a Colômbia, que tinha o país todo mobilizado. E me orgulhou muito o fato de ninguém ter tomado cartão para evitar jogar contra a Bolívia. Isso é sinal de maturidade”, avaliou Tite.

Invicto à frente do comando da Seleção Brasileira nas Eliminatórias, com nove vitórias e um empate, Tite não imagina uma postura mais amena por parte de seus comandados diante do Chile. “É desafiador enfrentar o campeão das duas últimas Copa América no mais alto nível”, bradou.

Já classificado para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia, o Brasil também tem o primeiro lugar das Eliminatórias Sul-Americanas garantido, com 37 pontos ganhos em 16 partidas. A Seleção encerra sua participação no torneio contra Bolívia, em La Paz, e Chile, no Palestra Itália, nos dias 5 e 10 de outubro, respectivamente.

Veja também

Comentários

Simple Share Buttons