Fechar

Fechar

Técnico surpreende e anuncia saída do Real Madrid após nono título

Da Redação com Gazeta Press. Publicado em 31 de maio de 2018.

Após conquistar sua terceira Liga dos Campeões, seu nono título à beira do campo, no último sábado, Zinedine Zidane anunciou sua saída do Real Madrid.

Nesta quinta-feira o treinador convocou uma entrevista coletiva inesperada após um encontro com o presidente do clube, Florentino Pérez, e optou por deixar o cargo depois de dois anos e meio comandando Cristiano Ronaldo e companhia.

“Tomei a decisão de não seguir no cardo de treinador do Real Madrid. É um momento estranho, mas este time precisa de mudanças para seguir ganhando, de um outro discurso, de uma outra metodologia de trabalho e por isso tomei a decisão”, afirmou Zidane, que recentemente se juntou a Carlo Ancelotti e Bob Paisley como os únicos técnicos a possuírem três títulos da Liga dos Campeões.

“Depois de três anos, minha decisão é a melhor, posso me equivocar, mas depois de três anos acho que esse é o momento. Se não vejo claramente que vamos seguir ganhando, que vamos fazer as coisas como quero… chega um momento que é melhor mudar para não continuar e fazer bobagens”, prosseguiu o francês.

Apesar de sua saída, o agora ex-treinador do Real Madrid garantiu que não acertou com nenhuma outra equipe, nem tampouco está cansado de treinar as grandes estrelas do elenco. Zidane, inclusive, revelou que teve uma conversa com o capitão Sergio Ramos, que entendeu sua decisão.

“Não busco outra equipe. A mensagem é para o elenco, creio que eles a receberam e também falei com Sergio [Ramos]. Ele, como capitão e pessoa com a qual joguei junto, respeita minha decisão e me desejou sorte”, disse.

“Não mudou nada, é um desgaste natural. Dizia que neste clube você pode estar acabado de um momento para outro. O dia a dia acabou para mim, depois de três anos. Não estou cansado de treinar, levo três anos, mas o momento aqui acabou”, finalizou.

foto: ascom

Relembre a trajetória de Zidane como treinador do Real Madrid

Após sua aposentadoria, Zidane iniciou a trajetória na beira dos gramados em 2013, sendo auxiliar do técnico Carlo Ancelotti. Na temporada em questão, o Real Madrid, enfim, conquistou a tão sonhada décima taça da Liga dos Campeões, vencendo o rival Atlético de Madrid na dramática decisão em Lisboa.

Posteriormente, o francês assumiu o time B do Real Madrid, contudo, foi proibido de atuar pela Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) pelo fato de não ter a licença necessária para ser treinador da categoria. Sendo obrigado a fazer um curso específico, Zizou voltou ao comando do Castilla e em 2016 teve a grande oportunidade em sua nova carreira.

Sem conseguir convencer à frente do Real Madrid, Rafa Benítez, substituto de Carlo Ancelotti, foi demitido após somente 25 jogos. O presidente do clube, Florentino Pérez, decidiu não ir atrás de um renomado treinador, preferindo dar uma chance a Zidane, que agarrou a oportunidade com unhas e dentes e não decepcionou o mandatário.

Em apenas seis meses, Ziziou conseguiu fazer o desacreditado time vencer a 11ª Liga dos Campeões, novamente contra o Atlético de Madrid. Na temporada seguinte, em 2017, já campeão europeu, mundial e da Supercopa da UEFA, o francês voltou a vencer a Champions, mas também conquistou o importante Campeonato Espanhol, o que não acontecia desde 2012, e a Supercopa da Espanha em cima do Barcelona.

Mas a sua consagração veio mesmo no último sábado. Em uma campanha repleta de altos e baixos, Zidane viu o Real Madrid terminar o Campeonato Espanhol somente na terceira colocação, atrás do Atlético de Madrid.

Quando todos imaginavam que a equipe repleta de estrelas iria terminar a temporada sem títulos, já que também caiu nas quartas de final da Copa do Rei para o Leganés, Cristiano Ronaldo e companhia se recompuseram e fizeram história ao faturar a terceira Liga dos Campeões seguidas – a última vez que um time conquistou três Champions de forma consecutiva havia sido o Bayern de Munique, em 194, 1975 e 1976.

Sem dúvida nenhuma, Zidane se despede do Real Madrid novamente muito maior do que já era na história do clube. Agora com 15 títulos pelo clube merengue somando suas passagens como jogador e técnico, o francês deixa o clube merengue com o sentimento de missão cumprida. Basta saber qual será o próximo passo de um dos maiores personagens da história do futebol, que certamente não conseguirá ficar muito tempo ausente dos gramados.

Confira os títulos de Zinedine Zidane como treinador do Real Madrid:

Liga dos Campeões (2016, 2017 e 2018)

Mundial de Clubes (2016 e 2017)

Supercopa da UEFA (2016 e 2017)

Campeonato Espanhol (2017)

Supercopa da Espanha (2017)

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube