Fechar

Fechar

Técnico do Botafogo-PB quer manter pelo menos 50% da base para 2019

Da Redação. Publicado em 3 de setembro de 2018 às 11:30.

Evaristo Piza chegou no Botafogo-PB para “trocar os pneus com o carro andando”, expressão bastante utilizada no futebol para definir a situação do técnico que assume um time no meio de uma competição. Ele quase conseguiu, com louvor, completar o desafio.

Para a temporada 2019, pelo menos em tese, o carro do Belo estará parado. Além da renovação com o treinador, a diretoria botafoguense já anunciou as permanências de cinco jogadores: o zagueiro Lula, o lateral esquerdo Fábio Alves, o volante Rogério, além dos meias Marcos Aurélio e Clayton.

Foto: Ascom / Botafogo-PB

Com contrato renovado até o final do ano que vem, o treinador concedeu entrevista coletiva no Centro de Treinamento da Maravilha do Contorno e falou que a responsabilidade será ainda maior, já que terá que repetir o bom desempenho do time nas competições que disputou.

Em 2018, o Bota-PB foi bicampeão paraibano, avançou para as quartas de final da Copa do Nordeste, algo que o clube ainda não havia conquistado no formato atual do torneio, passou para a segunda fase da Copa do Brasil e ainda bateu na trave na luta pelo acesso à Série B.

– Aqui é um clube que tem um projeto bem definido e sempre busca coisas grandes. Eu até conversei com meus companheiros de comissão técnica que agora a responsabilidade só aumenta, porque houve uma renovação, gostaram do trabalho e agora nós vamos iniciar um trabalho desde o começo do ano. O Botafogo-PB foi campeão paraibano e vamos buscar o tricampeonato, já que o clube é favorito ao lado dos rivais de Campina Grande. O clube também passou de fase na Copa do Nordeste e ano que vem temos que buscar no mínimo a mesma coisa, e passando de fase vamos buscar algo melhor. Na Copa do Brasil, quanto mais fases a gente atingir, melhor para o clube em retorno financeiro, para no segundo semestre ter um investimento maior. Além disso, o objetivo final é buscar o acesso à Série B – disse.

Evaristo Piza adiantou que o planejamento da temporada 2019 já começou e afirmou que pretende contar com pelo menos 50% do elenco que disputou a Série C deste ano.

– Acho que o fator principal é segurar 50%, 60% desse elenco. Acho que foi uma equipe que foi bem dentro dos jogos, atingiu objetivos traçados pelo clube e que os atletas também demonstraram interesse em permanecer no Botafogo. Além da gente querer o atleta, é importante que ele tenha essa vontade de permanecer no clube. Daí vamos buscar peças que elevem o nosso nível – concluiu.

Nos próximos dias, o técnico deve embarcar para São Paulo para curtir suas férias, mas seguirá mapeando o mercado em busca de reforços para o ano que vem.

Marcos Aurélio vai defender o Sampaio Corrêa por empréstimo

O clube confirmou oficialmente o empréstimo do meia Marcos Aurélio para o Sampaio Corrêa-MA, clube que disputa a Série B do Campeonato Brasileiro.

O camisa 10, que nesta semana renovou com o Bota-PB até o final de 2019, chega ao clube maranhense na tentativa de salvar a equipe do rebaixamento na competição nacional. Após 24 rodadas, a Bolívia Querida ocupa apenas a 19ª colocação.

O atleta será o último reforço para a competição, já que com ele o time esgotará o limite de inscrições.

Como o atleta está em boas condições físicas, existe a possibilidade de ele fazer sua estreia já nesta terça-feira, contra o Brasil de Pelotas-RS, às 21h30, no estádio Castelão, pela 25ª rodada da Segundona.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube