Fechar

Fechar

Sem Guerrero, Flamengo irá ao mercado em busca de um atacante

Da Redação com Gazeta Net. Publicado em 8 de dezembro de 2017.

foto: Divulgação

A diretoria do Flamengo não se posicionou sobre uma possível rescisão de contrato do atacante Paolo Guerrero, suspenso por um ano pela Fifa por uso de doping. Porém, é certo que o clube vai precisar ir ao mercado em busca de uma referência para o seu ataque, principalmente porque em 2018 competições importantes estão por vir para o clube, como a Copa Libertadores, a Copa do Brasil, o Campeonato Carioca e o Campeonato Brasileiro.

Durante o período inicial de suspensão de Guerrero, Felipe Vizeu, revelado nas categorias de base do clube, assumiu a missão de comandar o ataque do Flamengo e vem respondendo muito bem.

O problema é que o jogador ainda é considerado jovem para ser tratado como titular absoluto. Lucas Paquetá, outra cria da Gávea, também pode ser usado no posto, porém, com características diferentes das de Vizeu e Guerrero.

Com um orçamento não tão gordo para 2018, o que inclusive não previa mais nenhuma contratação de impacto, o Flamengo vai precisar abrir espaço em sua folha salarial para contratar um substituto para Guerrero, que tem contrato com o clube até agosto de 2018.

Uma rescisão com o peruano, o que seria uma facilidade neste aspecto, pode acontecer. Porém, o assunto é considerado delicado, pela repercussão que poderia ter em se tratando de um jogador de grande nome.

Outra dificuldade do Flamengo seria a ausência de jogadores de grande porte disponíveis e na função de goleador. Por isso, o departamento de futebol, inclusive, está mapeando o mercado sul-americano em busca de soluções.

Dentro de campo o elenco começou a preparação para o confronto de volta da final da Copa Sul-Americana, nesta quarta-feira, às 21h45(de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), diante do Independiente.

O time argentino ganhou na ida por 2 a 1 e tem a vantagem do empate. Para ser campeão o Rubro-Negro tem que ganhar por dois ou mais gols de vantagem. Se vencer por um gol de diferença o representante brasileiro vai forçar a prorrogação, independentemente do placar, uma vez que na decisão o gol marcado como visitante não vale para critério de desempate. O elenco treina na manhã deste sábado.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube