...

Campina Grande - PB

NO ALMEIDÃO

Meia marca na estreia e Botafogo-PB vence Remo pela Série C

19/06/2017 às 23:13

Fonte: Da Redação

A sexta rodada do Grupo A da Série C do Campeonato Brasileiro de 2017 foi encerrada na noite desta segunda-feira (19) com a vitória do Botafogo-PB por 3 a 2 diante do Remo, em uma grande partida. Dois jogadores marcaram pela primeira vez com a camisa botafoguense, Roger Gaúcho, em sua estreia, com apenas um minuto em campo, e o volante Magno.

O Belo começou o jogo pressionando e já aos 3 minutos abriu o placar. Depois de cobrança de escanteio pela direita, a bola sobrou para Alyson, que mandou novamente para a área e o zagueiro Igor João mandou contra o próprio patrimônio, fazendo a festa do torcedor botafoguense no Almeidão.

Melhor em campo, o Botafogo-PB recebeu um reforço do adversário. Aos 20 minutos, em bola disputada no meio campo, Tsunami levantou o pé demais e acertou o rosto de Djavan. Em cima do lance, o árbitro não teve dúvidas e puxou logo o cartão vermelho e tirou o volante paraense do jogo.

Os visitantes seguravam a pressão botafoguense e tentava sair em contra ataque quando encontrava espaço. E aos 43 minutos, se aproveitou de uma cobrança de escanteio curto mal feita na ofensiva do Belo e saiu em velocidade. Mikael avançou pela esquerda e cruzou para o meio da área. Djavan tentou cortar com um carrinho, a bola bateu em suas costas, mas o árbitro viu toque no braço e assinalou pênalti. Nino Guerreiro soltou a bomba na cobrança, no canto esquerdo de Michel Alves, e empatou a partida.

Foto: Raniery Soares/ Paraíba Press

Segundo tempo

Itamar Schulle resolveu fazer valer a superioridade numérica no segundo tempo e voltou para campo com Roger Gaúcho na vaga de Gustavo, mandando o time para frente. E o resultado foi imediato.

Com 1 minuto da segunda etapa, Rafael Oliveira recebeu na entrada da área e rolou para Roger Gaúcho, que estava a sua direita, e bateu cruzado de pé direito para recolocar o Botafogo-PB na frente do placar.

Empolgado, o time continuou pressionando e, diferente do que houve no primeiro tempo, aproveitou rapidamente a outra oportunidade que teve. Magno recebeu a bola na intermediária, aos 6 minutos, e soltou a bomba do meio da rua. A bola quicou no gramado e o goleiro Vinícius aceitou. Foi o primeiro gol de Magno pelo Belo.

Bem no jogo, quase sai o quarto do Bota-PB aos 21 minutos, quando Dico cruzou da esquerda e Rafael Oliveira mergulhou para dar um peixinho e cabecear a bola, que caprichosamente bateu na trave esquerda.

A primeira tentativa do Remo no segundo tempo foi aos 25 minutos, quando Eduardo Ramos aproveitou o erro na saída de bola botafoguense, avançou e, da entrada da área chutou de pé direito, mas Michel Alves mandou para escanteio.

Na cobrança, um minuto depois, a bola foi cruzada da direita, Michel Alves não saiu e Igor João se redimiu, mandando de cabeça para diminuir o placar.

Rafael Oliveira queria desencantar na Série C, e teve grande oportunidade mais uma vez aos 33 minutos, quando ele invadiu a área, fintou o goleiro e chutou de pé direito quase sem ângulo, mas a bola cruzou a frente do gol e não foi dessa vez que saiu seu décimo nono gol na temporada.

Mesmo com um homem a menos, o time do Pará pressionava o Belo nos minutos finais e em um lance de bola parada quase empata. Aos 43, o escanteio foi cobrado do lado esquerdo na cabeça de João Paulo, que testou livre na pequena área, mas a bola foi pela direita da trave de Michel Alves.

A vitória botafoguense mantém o time na terceira colocação do Grupo A, agora com 11 pontos, mesma pontuação do vice-líder CSA-AL. A próxima partida do Belo será no sábado (24), quando irá até Aracaju enfrentar o Confiança-SE. O Remo permanece com 8 pontos na quarta posição. O Leão recebe o Moto Club-MA, também no sábado.

Ficha técnica

Botafogo-PB 3 x 2 Remo
Campeonato Brasileiro da Série C 2017 (Grupo A – 6ª rodada)
Estádio: Almeidão: João Pessoa

Arbitragem: Paulo Henrique de Melo (MT); Eduardo Gonçalves (MT) e Leandro dos Santos Ruberdo (MT)

Gols: Igor João (contra), Roger Gaúcho, Magno(B); Nino Guerreiro, Igor João (R)
Cartão amarelo: Gustavo (B)
Cartão vermelho: Tsunami (R)

Botafogo-PB: Michel Alves, Gustavo (Roger Gaúcho), Plínio, André Santos, Alyson (Fernandes); Djavan, Magno, Cleyton, Marcinho; Dico, Rafael Oliveira (Warley). Técnico: Itamar Schulle.

Remo: Vinicius, Léo Rosa, Leandro Silva, Igor João, Gérson; João Paulo, Tsunami, Eduardo Ramos; Mikael (Ilaílson), Edgar (Gabriel Lima), Nino Guerreiro (Flamel). Técnico: Oliveira Canindé.

Veja também

Comentários