ORIENTAÇÃO

Leston quer Botafogo-PB inteligente no “jogo de 180 minutos” contra o Bahia

26/04/2018 às 8:24

Fonte: Da Redação

Pela primeira vez desde 1999, o Botafogo-PB voltou a se classificar para a segunda fase da Copa do Nordeste.

Dividindo grupo com Bahia, Náutico e Altos-PI, o Belo acabou na segunda colocação, atrás do tricolor baiano.

No mata-mata, o sorteio colocou paraibanos e baianos frente à frente mais uma vez.

Na fase de grupos, os visitantes sempre se deram melhor. No jogo da Fonte Nova, pela primeira rodada, o Botafogo-PB venceu por 1 a 0. Na derradeira partida desta fase, o Bahia fez 2 a 0 no Almeidão e levou a melhor.

Para o primeiro duelo das quartas de final, marcado para logo mais à noite, no Almeidão, o treinador Leston Júnior já trabalha a cabeça dos jogadores para virar a chave que estava ligada na Série C. O Belo vem de uma goleada por 4 a 0 sobre o Náutico, e com a confiança em alta.

Foto: Ascom / Botafogo-PB

– Estamos recuperando os jogadores, mas principalmente voltando a conscientizar sobre a questão de que é um jogo de 180 minutos. Nós passamos por alguns contra Treze, Sousa e Campinense, e já temos uma experiência de como se comportar nesse tipo de jogo. A classificação não vai acontecer aqui na quinta-feira, a classificação vai se concretizar no último tempo de 45 minutos do jogo lá em Salvador, na próxima semana – explicou.

Leston sabe que é preciso ter cautela para enfrentar um adversário de Série A, com elenco melhor tecnicamente e um investimento financeira bem superior.

– Temos que fazer um jogo inteligente, sabendo enfrentar o Bahia tendo uma noção exata do tamanho do clube. Eu disse após o jogo contra o Náutico que para passar de fase nós temos que enxergar o Bahia com o tamanho dele. Temos que saber que existe um abismo entre as duas equipes no que diz respeito a orçamento, no que diz respeito a qualidade técnica dos jogadores, então a gente tem que buscar outras vertentes para poder equilibrar durante o confronto 180 minutos para que tenhamos possibilidade de passar de fase – afirmou.

Treinando desde domingo, o técnico aguarda a regularização dos atacantes Leleco e Alex Gonçalves, contratados no início desta semana, para decidir sobre a escalação.

O zagueiro Gladstone, que não atuou no último fim de semana, deve permanecer de fora, se recuperando de uma lesão no púbis. O lateral direito Gedeilson, titular contra o Náutico, sofreu uma pancada forte no tornozelo e dificilmente terá condições de jogo. Por outro lado, o também lateral direito Felipe Cordeiro, voltando de contusão, deve retornar aos onze que iniciarão a partida. Mário Sérgio, atacante que marcou um golaço de bicicleta contra o Timbu, emprestado pelo Bahia, tem uma cláusula em contrato que o impede de jogar contra o seu clube.

Veja também

Comentários

Simple Share Buttons