Fechar

logo

Fechar

Justiça Desportiva estadual julga ação do Internacional-PB contra o CSP

Da Redação. Publicado em 26 de outubro de 2017 às 15:28.

Está marcado para as 18h30 desta quinta-feira (26), no Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol da Paraíba (TJDF-PB), o julgamento do imbróglio envolvendo Internacional-PB, CSP e a pretensa participação do Colorado na primeira divisão do estadual de 2018.

Tudo começou quando o Inter-PB itinerante, que agora tem sua sede em Lucena, percebeu que o Tigre pessoense não estava podendo inscrever jogadores por estar com sua senha junto ao sistema da CBF bloqueado.

Desta forma, não teria como regularizar atletas para disputar o estadual de 2018, abrindo uma brecha para pleitear a vaga na elite do Paraibano.

Foto: Ascom

Entretanto, na última semana, o CSP registrou no Boletim Informativo Diário da CBF o jogador Fábio, que estava na Desportiva Guarabira, dando indícios de que sua situação estava regularizada, como já haviam garantido o presidente do clube, Josivaldo Alves e também o presidente da FPF, Amadeu Rodrigues.

Como o julgamento no tribunal ainda não ocorreu, o Inter-PB, por meio de liminar, participou das duas reuniões que definiram a fórmula de disputa do estadual do ano que vem. Lionaldo Santos, presidente do TJDF-PB, garantiu que, apesar da normalidade na situação do CSP junto à CBF, vai julgar o caso baseado nas provas apresentadas.

– Vamos discutir o mérito do mandado de garantia. O Internacional fez uma denuncia e o Tribunal vai julgar, com base nas provas – explicou.

Watteau Rodrigues, presidente do Auto Esporte, fará a defesa do Internacional-PB no Tribunal.

Já o CSP será representado por Alexandre Cavalcante, enquanto a FPF estará representada pelo seu diretor jurídico Marcos Souto Maior.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube