Fechar

Fechar

Juíza cassa própria liminar e detona oposição do Campinense

Da Redação. Publicado em 20 de novembro de 2017 às 12:24.

A juíza Audrey Kramy Araruna Gonçalves, titular da 4ª Vara Cível de Campina Grande, reformou sua própria decisão e cassou a liminar que beneficiava o empresário Carlos Gonzaga, que está tentando mais uma vez se candidatar a presidente do Campinense.

O clube rubro-negro tem eleições gerais marcadas para o dia 3 de dezembro e até então só teve homologada pela Comissão Eleitoral a chapa “A Força do Trabalho”, encabeçada pelo atual presidente William Simões, no comando da Raposa desde 2011 e que tenta sua terceira reeleição.

Em despacho assinado eletronicamente na tarde deste domingo, a magistrada analisou documentos anexados a um agravo de instrumento impetrado pelo clube e reconsiderou o que decidira liminarmente dias atrás.

Isso significa que Carlos Gonzaga não poderá ser o candidato do grupo oposicionista. Ele convocou uma coletiva para as 16h, quando deve se pronunciar sobre a nova decisão da juíza.

Já a Comissão Eleitoral do Campinense marcou para as 17h a entrevista para explicar os próximos passos dos polêmico e conturbado processo eleitoral raposeiro.

 

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube