Fechar

Fechar

Juiz determina prisão de capitão do Treze Futebol Clube

Da Redação. Publicado em 18 de maio de 2018.

Como se não bastassem os constrangedores episódios envolvendo as investigações de corrupção e manipulação de resultados no futebol paraibano, via Operação Cartola, mais uma notícia que mistura a área policial com o âmbito esportivo agitou o Estado nesta sexta-feira (18).

É que o juiz Cláudio Pinto Lopes, titular da 1ª Vara de Família da Comarca de Campina Grande, expediu mandado de prisão em desfavor do capitão do Treze, o meia Marcelinho Paraíba, que coincidentemente completou 43 anos ontem.

No despacho, o magistrado alega que o jogador está em atraso com o pagamento de uma pensão alimentícia.

Cláudio Pinto Lopes determina que Marcelinho seja recolhido por 30 dias ao Presídio Agnelo Amorim, o Presídio do Monte Santo.

O juiz também intima a diretoria do Galo a descontar o valor devido diretamente no salário do atleta.

– Por fim, expeça-se mandado de prisão remetendo cópia às autoridades competentes. Ademais, expeça-se ofício ao Treze Futebol Clube para que realize o desconto do valor da pensão alimentícia diretamente nos rendimentos do promovido, depositando-o na conta-corrente de titularidade da genitora do menor – diz parte da decisão.

Foto: Ascom / Treze FC

Foto: Ascom / Treze FC

 

Marcelinho Paraíba, que não treinou na quinta-feira, não viajou com a delegação alvinegra no início da tarde desta sexta.

Líder do Grupo 9 da Série D do Campeonato Brasileiro, o Treze encara o Santa Rita, em Boca da Mata-AL, no próximo domingo (20), e precisa de uma vitória para se classificar para a próxima fase da competição.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube