...

Campina Grande - PB

FÓRMULA 1

Hamilton crava segunda pole position do ano e supera rival na China

Desarticulado esquema de fraudes em licitações na PB - image data on https://paraibaonline.com.br08/04/2017 às 7:28

Fonte: Da Redação com Gazeta Net

Desarticulado esquema de fraudes em licitações na PB - image  on https://paraibaonline.com.br

 Foto: LAT Images

O grid de largada do segundo Grand Prix da temporada 2017 da Fórmula 1 foi definido e voltou a mostrar o equilíbrio entre Mercedes e Ferrari. Na madrugada deste sábado, os carros aceleraram para a disputa do treino classificatório do GP da China, em Xangai, e o britânico Lewis Hamilton foi o mais veloz, garantindo a segunda pole position do ano.

As quatro primeiras posições do grid de largada em Xangai lembra o grid da Austrália, primeira prova do ano. Hamilton, Vettel, Bottas e Raikkonen, respectivamente, voltaram a anotar os melhores tempos. O britânico Lewis Hamilton, vencedor da prova asiática em quatro oportunidades, marcou 1min31s678 e vai largar na primeira posição neste domingo – o tempo de Hamilton é o mais rápido da história da pista chinesa.

O equilíbrio entre Mercedes e Ferrari ficou evidente durante o treino classificatório, quando Hamilton, Vettel e Raikkonen chegaram a ocupar a primeira posição. O britânico terá ao seu lado o alemão Sebastian Vettel. O piloto da Ferrari anotou 1min31s864 como melhor tempo, e larga na segunda posição.

Companheiro de Hamilton e substituto do atual campeão Nico Rosberg, o finlandês Valtteri Bottas aparece colado em Vettel na terceira posição, com 1min31s865. O também finlandês Kimi Raikkonen acelera sua Ferrari na quarta colocação, depois de marcar o tempo de 1min32s140.

O brasileiro Felipe Massa voltou a surpreender no treino classificatório. O piloto da Williams confirmou a boa atuação dos treinos livres e marcou 1min33s507. O brasileiro larga na sexta posição, logo atrás do australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull.

A principal surpresa do dia foi a queda de Max Verstappen ainda no Q1. O jovem holandês sofreu problemas em seu Red Bull e acabou ficando com o 17º tempo, não avançando ao Q2. Com apenas 10 minutos para o fim, Antonio Giovinazzi, da Sauber, que marcou o 15º tempo, o último a avançar ao Q2, bateu com força e teve que abandonar o treino classificatório.

O GP da China de F1 acontece na madrugada deste domingo, às 04h00 (de Brasília). Desde 2004 no calendário oficial da Fórmula 1, a primeira edição do GP da China teve vitória do brasileiro Rubens Barrichello. O piloto com mais vitórias na pista de Xangai é o britânico Lewis Hamilton, vencedor de quatro provas (2008, 2011, 2014 e 2015). O alemão Sebastian Vettel subiu no lugar mais alto do pódio em 2009.

Desarticulado esquema de fraudes em licitações na PB - image  on https://paraibaonline.com.br

Veja também

Comentários

Simple Share Buttons