Fechar

Fechar

Grêmio goleia Sport na Arena e aperta o líder do Brasileirão

Da Redação com Futebol Interior. Publicado em 2 de setembro de 2017 às 18:03.

O Corinthians que trate de voltar aos trilhos porque o grêmio não está para brincadeira. Nesta tarde na sua bonita Arena, o tricolor gaúcho goleou o Sport, por 5 a 0, em jogo atrasado da 22.ª rodada.

Com isso, passou a ter 43 pontos, diminuindo para sete a diferença com o líder paulista, que tem 50 pontos. O timão perdeu seus dois últimos dois jogos em casa, para o Atlético-GO e Vitória, ambos por 1 a 0.

O Sport caiu para 11.º lugar, com 29 pontos, numa campanha regular. Perdeu a décima posição para o Atlético Mineiro pelo saldo de gols (-2 a -3). Mas o Leão está em queda neste reinício de returno, com cinco jogos sem vitória. Ou seja, não ganhou ainda no returno.

O time gaúcho entrou em campo com várias baixas. Além de Pedro Rocha, negociado com o Spartak, de Moscou, não tinha os atacantes Luan, na seleção brasileira, e Lucas Barrios, na seleção argentina.

Além do zagueiro Pedro Geromel e do meio-campo Maicon, machucados, além de Marcelo Oliveira, também entregue aos cuidados dos médicos.

Antes do jogo, o técnico Vanderlei Luxemburgo, do Sport, parece saber das dificuldades que o time pernambucano teria, mesmo diante de um Grêmio desfalcado de vários jogadores importantes.

“Mesmo atuando vários jogos com um time alternativo, o Grêmio se manteve na segunda colocação. Isso mostra o quanto é forte este elenco”.

foto: divulgação/Grêmio

VELOCIDADE NO ATAQUE
Mas o Grêmio entrou em campo decidido a resolver logo a parada. Marcando no campo ofensivo, segurou o Sport na sua defesa e ainda explorar bem a velocidade pelas laterais do campo, inclusive com boas participações dos dois laterais – Edilson, pela direita, e Bruno Cortez, pela esquerda.

Mas o gol saiu num lance de bola parada, numa falta de Ronaldo Alves sobre Fernandinho, bem perto da linha da grande área. Houve muita reclamação dos visitantes, mas Alves recebeu, inclusive, o cartão amarelo.

A cobrança foi fatal. Magrão armou a barreira com cinco jogadores, além de ser atrapalhado por dois gremistas. Edilson bateu forte e no alto. Sem reação para um chute a menos de 17 metros e com velocidade de 116 km. Grêmio, 1 a 0, aos 19 minutos.

MESMO RITMO
O Sport parecia assustado. Não conseguia sair de trás e muito menos chegar com perigo no ataque. O Grêmio mantinha o ritmo e poderia ter ampliado aos 25 minutos, quando Everton invadiu a área sozinho, mas chutou em cima de Magrão que saiu para abafar.

O time da casa marcou o segundo gol aos 34 minutos. Tudo graças à bela jogada individual do lateral Edilson. Ele passou entre as pernas de Sander e depois deu uma meia lua em Osvaldo Rodrigrez na linha de fundo. Só deu um tapinha para trás para o chute de chapa de Everton no alto: 2 a 0.

Edilson é um lateral já bem rodado, com 31 anos. Já passou por clubes menores como Avaí e Veranópolis, mas também passou por grandes clubes como Atlético-MG, Botafogo e Corinthians. Passou na Ponte Preta em 2010. Mas tinha um grave problema com álcool.

Sem saída, Luxemburgo voltou para o segundo tempo com duas mudanças no ataque. Saiu o volante Anselmo para a entrada do meia Patrick e o garoto Éverton Felipe entrou na vaga do também atacante Osvaldo, que não foi acionado no primeiro tempo.

O Grêmio não se intimidou. Continuou dominando o meio-campo e com força na marcação. Ampliou aos 22 minutos num pênalti cometido por Samuel Xavier em cima de Ramiro, que foi agarrado dentro da área. Na cobrança, sem tomar distância, Fernandinho bateu na esquerda de Magrão que ainda tocou na bola.

O próprio Fernandinho marcou outro aos 25 minutos, desta vez numa tabela de cabeça com Ramiro. O gol também foi numa cabeçada no ângulo de Fernandinho, agora isolado como artilheiro do time no Brasileirão, com oito gols.

O garoto Dionathã, de 19 anos, marcou o quinto gol aos 37 minutos. Fernandinho começou a jogada pelo lado direito e fez o passe para o novo gremista na frente da área. Ele ajeitou a bateu de perna direita no canto de Magrão.

PRÓXIMOS JOGOS
Na 23.ª rodada o Grêmio vai enfrentar o Vasco da Gama, dia 10, em São Januário com portões fechados. O clube carioca conseguiu uma liminar para jogar em casa, mas sem a sua torcida. No dia 13, quarta-feira, o Grêmio volta a jogar pela Copa Libertadores, de novo no Rio de Janeiro, diante do Botafogo, dentro do Engenhão pelas quartas de final.

O Sport vai tentar a sua reabilitação contra o Avaí, também dia 10, na Ilha do Retiro. No dia 13, o Leão volta a campo pela copa sul-americana diante da Ponte Preta, em casa, abrindo as oitavas de final.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube