Fechar

logo

Fechar

Grêmio e Santos empatam pela Libertadores

Da redação com Folhapress. Publicado em 9 de dezembro de 2020 às 23:15.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Santos e Grêmio empataram em 1 a 1 na noite desta quarta (9), em Porto Alegre, pelas quartas de final da Copa Libertadores da América. O gol santista foi marcado por Kaio Jorge, aos 35 do primeiro tempo, enquanto o tento tricolor, de pênalti, foi anotado por Diego Souza aos 50 da etapa final, no último lance da partida.

A equipe santista volta a campo pelo Brasileirão neste domingo (13), às 16h (de Brasília), quando enfrenta o Flamengo, no Maracanã, pela 25ª rodada da competição nacional. Já o Grêmio encara o Goiás, no sábado (12), às 21h (de Brasília), na Serrinha.

O MELHOR: LUCAS BRAGA
O jovem atacante teve atuação de veterano e soube, ao lado de Marinho e Kaio Jorge, se destacar como referência de um ataque que não sente partidas decisivas.

NÃO FOI BEM: DIEGO PITUCA
O volante santista fez uma partida segura, diferentemente do companheiro de setor, Jobson, mas abusou da sorte ao se expor a dois cartões amarelos e colocar em jogo o triunfo do Peixe fora de casa.

CRONOLOGIA DO JOGO
Apesar de estar fora de casa, o Santos tomou a iniciativa e praticamente igualou a posse de bola até a segunda metade do primeiro tempo. Aos 35 minutos, Pará cruzou pela direita e Vanderlei sai mal para afastar a bola. Felipe Jonatan aproveita a sobra para cabecear e servir Kaio Jorge que, também de cabeça, testou rumo ao gol para abrir o placar para o Peixe.

Três minutos depois, o VAR evitou um enorme erro do árbitro Juan Benitez, que expulsou o gremista Pinares após uma dividida entre ele e o santista Diego Pituca. Ao perceber que o meia tricolor não havia sequer cometido falta, o juiz da partida anulou o cartão vermelho e puniu o jogador do Santos com um amarelo.

O Santos voltou do intervalo novamente superior, criando três oportunidades claras logo nos primeiros cinco minutos. A partir disso, porém, o Grêmio soube equilibrar o jogo e passou a levar perigo ao gol santista a partir de uma boa falta cobrada pelo ex-santista David Braz.
Aos 50 minutos, em um pênalti marcado com auxílio do VAR, DIego Souza sacramentou o empate para o Grêmio.

ATUAÇÃO DO SANTOS
Mesmo sem Soteldo, o Santos soube se adaptar como poucos ao estilo de jogo gremista e foi bastante superior ao Tricolor na primeira etapa, mesmo atuando fora de casa. Com seis finalizações, contra uma do rival, o Peixe abriu o placar com Kaio Jorge e poderia ter praticamente liquidado a partida, minutos depois, caso o erro do árbitro na expulsão de Pinares não tivesse sido corrigido via VAR.

No segundo tempo, entretanto, o Grêmio melhorou na partida e passou a levar perigo ao gol do Santos, que soube resistir até o último minuto. Não foi o suficiente. Com um pênalti marcado para o Grêmio no último minuto da partida, o Peixe cedeu o empate.

ATUAÇÃO DO GRÊMIO
Vivendo sua melhor fase na temporada, o Grêmio não repetiu as boas atuações das últimas semanas e não soube se impor na primeira etapa e se viu neutralizado pela marcação adversária, sem nenhuma válvula de escape. Mesmo com 58% de posse de bola, o Tricolor finalizou apenas uma vez nos primeiros 45 minutos, sem sequer acertar o gol de John.

A postura gremista não mudou imediatamente após o intervalo e o time de Renato Portaluppi sofreu três ameaças de gol logo nos primeiros minutos do segundo tempo. A partir disso, no entanto, o Grêmio passou a chegar com maior facilidade ao gol do Santos e a partida se equilibrou.

Após algumas chances de perigo criadas a partidas do minuto 20, o Grêmio chegou ao empate com um gol de pênalti de Diego Souza, nos minutos finais.

GRÊMIO
Vanderlei; Victor Ferraz, Geromel, Kannemann (David Braz) e Diogo Barbosa; Maicon (Darlan), Matheus Henrique e Pinares; Luiz Fernando (Ferreirinha), Pepê e Diego Souza. Técnico: Renato Portaluppi

SANTOS
John; Pará, Lucas Veríssimo, Luan Peres e Felipe Jonatan; Jobson (Alison), Diego Pituca e Sandry (Vinícius Ribeiro); Lucas Braga, Marinho (Bruninho) e Kaio Jorge. Técnico: Cuca

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Juan Benitez (PAR)
Assistentes: Eduardo Cardozo e Milciades Saldivar (PAR)
VAR: Eber Aquino (PAR)
Cartões amarelos: Diego Barbosa, Maicon e Matheus Henrique (Grêmio); Jobson, Luan Peres, Sandry e Diego Pituca (Santos)
Cartão vermelho: Diego Pituca (Santos)
Gol: Kaio Jorge, aos 35 minutos do primeiro tempo (Santos); Diego Souza, aos 50 minutos do segundo tempo (Grêmio)

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube