Fechar

logo

Fechar

Goiás e Coritiba fazem jogo eletrizante com chuva de gols

Da redação com Folhapress. Publicado em 9 de setembro de 2020 às 21:05.

Foto: Ascom/Coritiba

Foto: Ascom/Coritiba

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – O duelo entre Goiás e Coritiba no Hailé Pinheiro, em Goiânia, terminou sem vencedor nesta quarta-feira (9). O jogo, válido pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro, acabou empatado em 3 a 3 após um final eletrizante.
Com o resultado, o Goiás chegou a 5 pontos na tabela e permanece na lanterna. Já o Coritiba ficou com 8 pontos e segue na 16º posição.

Robson abriu o placar para o Coritiba aos 12 minutos do primeiro tempo. William Matheus recebeu na meia esquerda, cruzou na segunda trave para Sassá, que escorou para o meio e Robson finalizou de primeira para balançar a rede.

William Matheus ampliou para o Coritiba aos 36 minutos do primeiro tempo. Hugo Moura fez lançamento para a ponta esquerda, Edílson recuou mal de cabeça e o atleta dividiu com Tadeu. A bola desviou e foi parar no fundo do gol. Rafael Moura diminuiu para o Goiás ainda no final da primeira etapa em cobrança de pênalti.

Na segunda etapa, o Goiás foi para cima e conseguiu o empate já perto do fim do jogo. Ignacio Jara recebeu passe de Keko na pequena área, aos 36 minutos, para fazer 2 a 2.

Dois minutos depois, Sabino tentou cortar cruzamento rasteiro de Keko e acabou colocando a bola contra o próprio gol. No entanto, o destino “sorriu” para o atleta, que teve a oportunidade de empatar para o Coritiba em pênalti nos instantes finais do jogo, decretando números finais ao placar.

Na próxima rodada, o Goiás encara o Internacional, enquanto o Coritiba enfrenta o Athletico.

O MELHOR: RAFAEL MOURA
O atacante veterano marcou o gol de pênalti ainda na primeira etapa, quando o placar era de 2 a 0 para o Coritiba, e foi o responsável pela jogada do gol de empate. Ele deu bom passe para Keko, que cruzou de primeira, para Jara empatar a partida.

OS PIORES: RAFAEL VAZ E RODOLFO
O zagueiro do Esmeraldino colocou a mão na bola nos acréscimos da partida e foi expulso após levar o segundo amarelo. Sabino cobrou a penalidade e empatou nos minutos finais. Já o defensor do Coxa, foi expulso no final do primeiro tempo após dar um ‘coice’ em Rafael Moura e deixou seu time com um a menos desde o fim da primeira etapa.

GOIÁS
Tadeu; Edilson, David Duarte, Rafael Vaz, Jefferson; Gilberto Júnior, Breno, Daniel Bessa; Mike, Vinícius Lopes, Rafael Moura. Técnico: Thiago Larghi

CORITIBA
Wilson; Jonathan, Rodolfo Filemon, Sabino, William Matheus; Hugo Moura, Matheus Sales, Matheus Bueno; Robson, Igor Jesus, Sassá. Técnico: Jorginho

Local: Hailé Pinheiro, Goiânia
Horário: 18h (de Brasília)
Árbitro: Caio Max Augusto Vieira
Assistentes: Eduardo Goncalves da Cruz e Jean Márcio dos Santos
Cartões amarelos: Rafael Vaz, Miguel Figueira, Victor Andrade, Edilson e Mike (Goiás); Matheus Bueno e Hugo Moura (Coritiba)
Cartões vermelhos: : Rodolfo Filemon (Coritiba) e Rafael Vaz (Goiás)
Gols: Rafael Moura, aos 44 minutos do primeiro tempo; Ignacio Jara, aos 36 minutos do segundo tempo e Sabino (contra), aos 38 minutos do segundo tempo (Goiás);Robson, aos 12 minutos do primeiro tempo; William Matheus, aos 36 minutos do primeiro tempo e Sabino, aos 51 minutos do segundo tempo (Coritiba)

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube