...

Campina Grande - PB

DISPUTA MAIS APERTADA

Fórmula 1: Mercedes diz que margem da equipe na frente diminuiu

20/03/2017 às 13:04

Fonte: Da Redação com Gazeta Net

Atual tricampeã do mundial de construtoras da Fórmula 1, a Mercedes inicia a defesa de mais um título nesta sexta-feira, com o começo do fim de semana do Grande Prêmio da Austrália, primeiro da temporada.

Chefe da equipe alemã, Toto Wolff acredita que em 2017 a disputa será melhor que nos últimos campeonatos.

Foto: Divulgação

“O que nós vimos em Barcelona é que a margem na frente da pista diminuiu. Ainda vamos ver como isso se dá em Melbourne, porque ainda não sabemos sobre o combustível, o peso ou a potência dos outros carros. Falamos com os pilotos, essas máquinas são violentas – exatamente como devem ser os carros da F1”, afirmou Wollf.

Em 2017, a disputa não teve nem graça para a Mercedes. A equipe foi campeã antecipada do mundial de construtoras e terminou o ano com 765 pontos contra os 468 da segunda colocada, Red Bull. O time venceu 19 das 21 corridas disputadas.

“Levamos cada um de nossos rivais a sério e respeitamos as habilidades de cada equipe de achar aquele algo a mais. Eles estão cheios de pessoas muito inteligentes”, acrescentou o chefão da equipe.

Nos testes de pré-temporada disputados em Barcelona, na Catalunha, a Ferrari mostrou bastante competitividade e evolução em relação a 2016. A equipe finalizou as sessões com o melhor tempo já feito na pista, batido por Sebastian Vettel.

“Fizemos o melhor trabalho que podíamos ao longo do inverno e, se não formos os mais rápidos em Melbourne, precisaremos achar o porquê e o que precisamos para nos recolocar no topo. É um desafio que tomaremos com grande motivação e energia”, completou.

Depois de três temporadas soberanas com Lewis Hamilton e Nico Rosberg, a Mercedes terá o finlandês Valtteri Bottas na vaga do atual campeão Rosberg.

Veja também

Comentários

Simple Share Buttons