NESTE DOMINGO

Ex-goleiro tenta primeiro título como técnico em dia de decisões estaduais

08/04/2018 às 10:40

Fonte: Da Redação com Gazeta Press

foto: divulgação

Vitorioso como jogador, conquistando tudo o que foi possível atuando pelo São Paulo, Rogério Ceni agora busca agora a primeira taça como treinador. Neste domingo, o Fortaleza vai pegar o Ceará, na Arena Castelão, às 16h00 (horário de Brasília), e precisará de uma vitória simples para conquistar o título do Campeonato Cearense, já que o primeiro jogo foi 2 a 1 para o Vozão.

Neste ano, já foram três partidas entre os dois times. Um empate e duas vitórias do Ceará. Assim, o time comandado por Ceni terá que vencer. O Vovô com um empate e triunfo garante o estadual.

Rogério Ceni demonstrou confiança antes de encarar a primeira grande decisão da sua curta carreira como treinador: “Agora vamos atrás do nosso gol. Uma vitória por 1 a 0 pode acontecer”, afirmou o comandante.

Entretanto, o Leão terá desfalques para a partida: Edinho, Marcelo Boeck e Leonan estão no departamento médico. O ex-goleiro lamentou a ausência dos atletas: “É claro que o jogador não fica feliz com a derrota. Vamos entrar no próximo jogo e utilizar os jogadores que temos. Vamos torcer para a recuperação de alguém”, disse o técnico.

O Fortaleza terá que bater o rival pela primeira vez em 2018, caso queira faturar o Cearense. Qualquer empate ou vitória a favor do Vovô dará o título ao Ceará.

Clássico Ba-Vi definirá campeão Baiano

O Bahia saiu na frente do Vitória por 2 a 1 no último domingo, e está em vantagem na decisão do Campeonato Baiano. Um empate garante o título ao Esquadrão. Qualquer triunfo Rubro Negro resultará no tricampeonato para a equipe comandada por Vagner Mancini.

No primeiro encontro entre os dois, o Tricolor ganhou por 3 a 0 em duelo marcado por nove expulsões e muita briga, além do resultado final ter sido decretado por W.O. Tudo começou após o gol de pênalti marcado por Vinícius, que comemorou dançando em frente a torcida do Vitória, revoltando os jogadores e provocando uma confusão generalizada.

O meia, aliás, garantiu, na última quinta-feira, que caso deixe sua marca, não repetirá a comemoração por respeito à torcida Rubro-Negra e afirmou que aprendeu após a situação ocorrida no primeiro jogo, tanto que na primeira final, Vinícius marcou, mas comemorou discretamente.

A equipe de Guto Ferreira não leva o Estadual desde 2015, e tentará quebrar a boa sequência de títulos baianos do maior rival. Um empate ou triunfo garante o Bahia como campeão. Para o Vitória, basta ganhar o jogo.

O Tricolor busca o título do Baiano (Foto: Site Oficial/EC Bahia)

Chape quer o tricampeonato em Santa Catarina

Neste domingo, na Arena Condá, Chapecoense e Figueirense decidirão o Campeonato Catarinense neste domingo às 16h00 (horário de Brasília). A Chape tem a vantagem de jogar em seus domínios, por ter feito melhor campanha na primeira fase da competição, somando 41 pontos, contra 36 do rival.

Entretanto, a equipe comandada por Gilson Kleina tem apenas o trunfo de duelar em casa, pois, em caso de empate, conheceremos o campeão de 2018 nos pênaltis. O Verdão do Oeste levou a taça em 2016 e 2017, querendo assim, o tricampeonato. O Figueira quer voltar a ganhar a competição, o que não acontece desde 2015.

Goiás tenta o tetra; Náutico quer reconquistar o Estado

Outras duas decisões importantes neste fim de semana, serão dos Campeonatos Goiano e Pernambucano. O Goiás, é soberano desde 2015 faturando todos os Estaduais, e tentará chegar ao tetracampeonato. Para isso, basta vencer o Aparecidense, time que eliminou o Botafogo da atual edição da Copa do Brasil. O primeiro jogo ficou empatado em 0 a 0.

Desde 2004, o Pernambuco não conhece outro campeão que não seja Sport ou Santa Cruz. Neste domingo, conheceremos um novo campeão, Náutico ou Central. O Timbu, não leva a taça desde 2004; o time de Caruaru chegou a primeira final da história e quer surpreender.

 

Veja também

Comentários

Simple Share Buttons