Fechar

logo

Fechar

Com atletas cedidos à seleção, Flamengo recebe hoje o Sport Recife

Da redação com Folhapress. Publicado em 7 de outubro de 2020 às 10:31.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

LÉO BURLÁ
RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) – Perder Everton Ribeiro e Arrascaeta em uma tacada só foi o duro golpe para o técnico Domènec Torrent no Flamengo.

Sem seus dois jogadores que vivem melhor momento técnico, o treinador espanhol quebra a cabeça para montar o Rubro-Negro que não contará com os dois selecionáveis pelas próximas três rodadas do Campeonato Brasileiro.

A ausência dos astros muda a característica do time, já que os dois conseguem executar as funções ofensivas com excelência e também cumprem seus papéis na missão de fechar espaços. De volta ao trabalho desde segunda-feira (5), o comandante, recuperado da Covid-19, já encara essa batata quente para montar o time que pega o Sport nesta quarta-feira (7), às 19h15, no Maracanã, pela 14ª rodada do Brasileirão.

Jogador com características mais criativas à disposição, Diego surge como alternativa natural. O camisa 10 não tem a mesma dinâmica da dupla, mas compensa com sua cadência e bom passe.

Caso o espanhol opte por começar com um dos capitães do elenco no banco, Thiago Maia, que foi poupado na vitória contra o Athletico-PR, vira um nome importante nesta corrida. Neste caso, Maia seria escalado ao lado de Willian Arão, com Gerson podendo ser um pouco mais adiantado para encostar mais nos homens da frente.

A escalação deste quarteto, no entanto, não deve ser descartada. Neste caso, Pedro e Bruno Henrique são os mais cotados para formar a dupla de ataque. Se a escolha for por uma trinca no meio, Michael, Lincoln e Vitinho correm por fora como as peças para compor o setor ofensivo.

Após o Flamengo passar ileso pelo período mais crítico do surto, o Rubro-Negro precisa se reconstruir com as ausências dos dois maestros, além das baixas de Rodrigo Caio e Isla, também a serviço de suas seleções.

Para repor os desfalques de ambos, a tarefa não é tão complicada. Com a confiança em alta, Matheuzinho deve assumir a lateral direita. Para formar o miolo da zaga, o técnico conta com o retorno de Léo Pereira e festeja a ascensão dos jovens Noga e Natan. Gustavo Henrique, ainda fora do último jogo, também deve estar à disposição. Thuler ficou no banco no domingo e também está às ordens.

Em processo de recuperação de suas respectivas contusões, o goleiro Diego Alves e o atacante Pedro Rocha aceleram os trabalhos para ficarem aptos. Já o artilheiro Gabigol, com lesão no ligamento do tornozelo, ainda terá de enfrentar mais alguns dias de ausência dos gramados.

O Flamengo ocupa o quarto lugar no Brasileirão, com 21 pontos, e busca a segunda vitória seguida -bateu o Athletico-PR no domingo passado (4). Um triunfo pode deixar os rubro-negros na vice-liderança, dependendo de uma combinação resultados que envolvam tropeços de Palmeiras e Internacional.
Para isso, o Flamengo terá de enfrentar a boa fase do Sport. O time pernambucano venceu as últimas três partidas e ocupa a quinta colocação, com 20 pontos.

FLAMENGO
Hugo (Diego Alves); Matheuzinho, Gabriel Noga, Natan, Filipe Luis; Willian Arão (Thiago Maia), Gerson, Diego; Bruno Henrique, Pedro, Vitinho (Lincoln). T.: Domènec Torrent

SPORT
Luan Polli; Patric, Iago Maidana, Adryelson, Sander; Ricardinho, Marcão Silva, Lucas Mugni, Thiago Neves; Marquinhos, Hernane. T.: Jair Ventura

Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Horário: 19h15 desta quarta-feira
Juiz: Caio Max Augusto Vieira (RN)

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube