VILÃO

Capitão Réver sai em defesa do goleiro Muralha

27/11/2017 às 12:41

Fonte: Da Redação com Gazeta Net

O Flamengo perdeu a chance de se garantir na Libertadores ao ser derrotado pelo Santos. O goleiro Alex Muralha foi o vilão da partida, ao falhar nos dois gols sofridos pelos rubro-negros.

O zagueiro Réver, capitão da equipe, saiu em defesa do companheiro e afirmou que o arqueiro deve estar preparado para sair desta situação.

“Acho que jogador tem que estar preparado para tudo. Eu procuraria me empenhar ao máximo, principalmente me preparar psicologicamente. Sabemos que futebol acontece tudo muito rápido. São três jogos que vão definir nosso semestre. Ontem deixamos a desejar. Sabemos que quinta temos que nos empenhar muito mais”, disse.

Foto: Divulgação

Réver falou sobre a possibilidade do técnico Reinaldo Rueda optar pela escalação de César contra o Júnior-COL. O zagueiro lembrou que se Muralha não vive boa fase, César não está com ritmo de jogo.

“César, depois dessa partida, teve seu nome gritado. O Muralha vem sendo um jogador visado, isso mostra sua insegurança. Para nós, sempre se mostra seguro, trabalha bem na semana. Sabemos da capacidade dos dois goleiros, cabe ao treinador decidir. Temos confiança nos dois. Muralha não vive um momento tão bom e César está há muito tempo sem jogar”, declarou.

Por fim, o defensor citou os principais problemas que o Flamengo tem enfrentado nos últimos jogos.

 “A maior dificuldade que estamos tendo é essa ansiedade de fazer o jogo de qualquer maneira. Temos que controlar nossa ansiedade para que isso não atrapalhe nosso desempenho. Para que não aconteça o que aconteceu ontem. 20 chances e fazer um gol. E o adversário com três chances fazer dois”, comentou.

O elenco do Flamengo está focado na classificação para a final da Sul-Americana, nesta quinta-feira, contra o Júnior, na Colômbia. Os rubro-negros jogam pelo empate para avançar à decisão, que será contra o Independiente-ARG ou Libertad-PAR.

Veja também

Comentários

Simple Share Buttons