Fechar

Fechar

Botafogo-PB goleia a Desportiva Guarabira e encosta na liderança

Da Redação. Publicado em 25 de fevereiro de 2018 às 18:35.

Foto: Yordan Cavalcanti/ Voz da Torcida

De ressaca após a goleada sofrida na eliminação da Copa do Brasil, o Botafogo-PB voltou a campo pelo Paraibano para enfrentar a Desportiva Guarabira, pela nona rodada, neste domingo (25), no estádio Almeidão. Depois de um primeiro tempo morno, a segunda etapa o time botafoguense desandou a fazer gols e goleou o adversário por 5 a 0.

O Belo entrou em campo desfalcado. O atacante Dico e o goleiro Edson, lesionados, abriram espaço para Netinho e o estreante Saulo, que mal trabalhou durante os noventa minutos.

A primeira metade do jogo foi toda levada em banho-Maria. O Botafogo-PB tinha total controle do jogo, criou poucas oportunidades, que foram desperdiçadas por Netinho, enquanto a Desportiva Guarabira abdicava completamente do ataque e só tentava se defender.

Depois do intervalo, o panorama mudou e o Belo passou a querer pressionar.

No primeiro minuto do segundo tempo, Marcos Aurélio cobrou falta da intermediária com muito veneno. A bola bateu na junção da trave direita com o travessão, nas costas de Marcão e, no rebote, Netinho apareceu em impedimento.

Aos 11, Fábio Alves invadiu a área pela esquerda e chutou cruzado. A defesa resvalou a bola, que passou por Carlos Renato, e foi para escanteio.

De tanto pressionar, o Botafogo-PB conseguiu abrir o placar aos 18 minutos. Gedeilson fez jogada pela direita, invadiu a área, adiantou a bola, que sobrou para Netinho, que bateu de pé direito, no canto direito, lá no alto, para marcar o primeiro gol da partida.

Depois do gol o Belo continuou em cima do adversário, e aos 26 quase amplia. Após bate-rebate na área, a bola caiu nos pés de Mário Sérgio, que deu de calcanhar para Hiroshi. O meio campista bateu colocado, de pé direito, mas a pelota passou a esquerda da meta, com muito perigo.

Era questão de tempo até o segundo gol, e não demorou muito. Aos 28, Marcos Aurélio fez boa jogada na esquerda e cruzou para a área, onde Carlos Renato recebeu livre, perto da pequena área, e só rolou de pé canhoto no canto esquerdo de Marcão para ampliar o marcador.

Um minuto depois, mais um do Belo. Rogério lançou para Mário Sérgio, que avançou em velocidade e cruzou para a área. A defesa cortou, mas a bola caiu nos pés de Marcos Aurélio. O camisa 10 teve calma para limpar o zagueiro e chutar de pé esquerdo para anotar o terceiro gol do jogo.

Com a porteira aberta, o quarto gol botafoguense saiu aos 38 minutos. Gedeilson avançou pela direita, foi até a linha de fundo e cruzou para a área, onde Rafael Castro chutou mascado. A bola foi chorando e entrou no canto direito da meta.

E a goleada virou passeio aos 41. Rafael Castro invadiu a área pela direita, cruzou para o meio e Mário Sérgio chegou na pequena área, batendo de pé direito para marcar o quinto gol.

A vitória deixa o Belo com 19 pontos, um a menos que o líder Campinense, que empatou com o Serrano por 0 a 0. Na última rodada, o Botafogo-PB vai receber o Atlético de Cajazeiras, no Almeidão, para buscar a lidarança e a vaga direta nas semifinais. A Desportiva Guarabira segue com 5 pontos, na lanterna do Grupo B. Na última rodada, o time do brejo recebe o Sousa.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube