Fechar

logo

Fechar

Atlético-MG encara o desesperado Goiás para manter luta pelo título

Da redação com Folhapress. Publicado em 3 de fevereiro de 2021 às 8:22.

Foto: Ascom/Atlético

Foto: Ascom/Atlético

BELO HORIZONTE, MG (UOL/FOLHAPRESS) – A expectativa do técnico Jorge Sampaoli, dos jogadores e da torcida do Atlético-MG ainda é pela conquista do título no Campeonato Brasileiro, mesmo que as chances do Galo estejam diminutas atualmente. De acordo com o departamento de matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), o time dirigido pelo argentino tem 8,5% de possibilidade da conquistar a taça. O líder Internacional tem 84% e soma cinco pontos a mais – 65 contra 60.

Vivendo altos e baixos no Brasileirão, o Atlético-MG aumentou sua produção no mês de janeiro e atingiu sua segunda melhor performance mensal desde que a competição começou. A equipe teve 61% de aproveitamento, com 11 pontos conquistados em seis jogos (três vitórias, dois empates e uma derrota). Número registrado após a vitória por 2 a 0 sobre o Fortaleza, no último domingo (31), no Mineirão.

Essa performance só fica atrás do que foi atingido em setembro de 2020, quando o Galo somou 83,3% de aproveitamento, conquistando 15 pontos em 18 possíveis, momento em que chegou a liderar a competição e ter até folga de pontos em cima dos rivais.

O Galo, agora, visita o Goiás em duelo que está marcado para esta quarta-feira (3), às 21h30, no estádio da Serrinha, em Goiânia, pela 34ª rodada. O Esmeraldino é o antepenúltimo colocado (18ª posição) com 29 pontos em 33 jogos. Para o Atlético-MG, agora restam cinco jogos para quem sabe, mesmo diante da dificuldade, atingir o objetivo traçado, que é o título.

“Próximo jogo em Goiânia [contra o Goiás] será muito complicado. Temos que ter claro que nosso protagonismo será fundamental para ver onde o time vai terminar. Cada jogo será muito complicado. Precisamos acreditar muito, primeiro no nosso jogo, depois no nosso sonho [título do Brasileirão]”, disse o técnico Jorge Sampaoli após a vitória sobre o Fortaleza.

“São cinco finais. Temos que trabalhar em cima dos jogos que vamos enfrentar. Vamos respeitar todas as equipes, mas, como falei, não podemos tropeçar. O que nos interessa é só a vitória e vamos em busca disso (…) Temos que pensar somente na gente e fazer o nosso papel. Não adianta a equipe que está na frente tropeçar, se nós não fizermos o nosso. Vamos trabalhar forte, pensar na gente e ir em busca dessas cinco vitórias”, enfatizou o lateral esquerdo Guilherme Arana.

O Atlético-MG tem 60 pontos e está cinco atrás do líder Internacional. O Flamengo, com 61, também está à sua frente. Já o Goiás soma 29 pontos e está seis atrás dos primeiros times que estão fora da zona de rebaixamento.

GOIÁS
Tadeu; Taylon, David Duarte, Fábio Sanches, Heron; Ariel Cabral, Lordelo, Shaylon, Douglas Baggio; Rafael Moura, Fernandão. T.: Augusto César

ATLÉTICO-MG
Everson; Guga, Réver, Junior Alonso, Guilherme Arana; Jair, Allan, Hyoran; Savarino, Eduardo Sasha, Eduardo Vargas. T.: Jorge Sampaoli

Estádio: Serrinha, em Goiânia (GO)
Horário: 21h30 desta quarta-feira
Juiz: Bruno Arleu de Araújo (RJ)

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube