Fechar

Fechar

Após saídas e lesão de artilheiro, Campinense negocia com atacante do Paysandu

Da Redação. Publicado em 15 de janeiro de 2018.

Após as saídas dos atacantes Danielzinho e Renato Carioca, que se desligaram do clube na semana passada, a diretoria do Campinense foi ao mercado para repor o setor de ataque do time comandado por Celso Teixeira.

E o acerto com mais um reforço já está bem encaminhado.

Até o final dessa semana o atacante Tiago Mandi, de 22 anos, que pertence ao Paysandu, deve desembarcar na Toca da Raposa.

A informação é do empresário Nenê Saraiva, que cuida da carreira do jogador.

Em entrevista ao GloboEsporte/PA, ele disse que o Rubro-Negro venceu a concorrência com o Águia de Marabá e o Parauapebas, que tentaram a contratação do jogador junto ao Papão de Belém do Pará.

Foto: Ascom / Paysandu

– Para a carreira dele é bem melhor o Campinense (em relação à Parauapebas e Águia), em razão da vitrine, tendo a possibilidade de ser mais visto no futebol do Nordeste – explicou Saraiva.

A diretoria do Campinense ainda não se pronunciou sobre o caso. O gerente de futebol do clube, Marquinhos Marabá, disse que só pode confirmar qualquer contratação após a assinatura do contrato.

Já conforme a assessoria de imprensa do Paysandu, Mandi estaria em negociação com Águia de Marabá e Campinense, porém sem destino definido ainda.

Müller Fernandes

Artilheiro da Raposa com dois gols anotados em dois jogos, o atacante Muller Fernandes deixou o campo neste domingo, durante a vitória sobre o Atlético de Cajazeiras, sentindo incômodo no músculo adutor da coxa esquerda.

Segundo o médico rubro-negro, Fábio Gondim, o caso do camisa 9 preocupa e somente o resultado do exame de imagem que deve ser realizado nesta segunda-feira (15) vai poder fechar o diagnóstico.

Caso seja confirmada a suspeita de estiramento, Muller deve ficar de 15 a 20 dias fora de combate.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube