Juiz paraibano conta em livro sobre como sobreviveu à Covid-19

Da Redação

Publicado em 06/08/2022 às 13:45

Valorize o jornalismo profissional e compartilhe informação de qualidade!
Foto: reprodução/Rede Ita

Foto: reprodução/Rede ITA

Internado durante 54 dias na Unidade de Terapia Intensiva(UTI) por causa da covid-19, o juiz titular da 5ª. Vara Cível da Comarca de João Pessoa , Onaldo Queiroga, contou através de um livro como foi sua luta diária pela vida.

Em entrevista concedida ao programa Ideia Livre na Rede ITA, Onaldo falou sobre sua internação no Hospital da Unimed, em João Pessoa, após testar positivo para covid-19 em 2020 e o medo que teve da morte.

“Fui comunicado que teriam que me intubar. Naquela ocasião, eu pedi para ligar para um filho meu e passei para ele todos os dados das minhas contas bancárias. Eu disse que ia ser intubado e não sabia se voltaria, apesar de acreditar em Deus e ter uma fé grande. Eu passei 26 dias intubado e 10 dias para acordar ”, disse.

Queiroga relatou que foi transferido para o Hospital Albert Einstein, em São Paulo, e ao acordar pensou que estava morto e em outra dimensão espiritual.

Lançado em julho deste ano, o livro que relata sua experiência de quase morte- que foi intitulado como “A Travessia”- começou a ser escrito quando começou a pandemia.

“Quando começou a chegada da pandemia da covid-19 comecei escrever textos para fazer a reflexão sobre a pandemia. O livro traz uma história real vivida com dor e sofrimento, mas, acima de tudo, de coragem, de fé e de vitória,” concluiu.

Colunistas

2021 - ParaibaOnline - Rainha Publicidade e Propaganda Ltda - Todos os direitos reservados.

BeeCube