Fechar

logo

Fechar

Tessituras

Elizabeth Marinheiro. Publicado em 8 de dezembro de 2018 às 13:30

Dezembro vai chegando! Tempo de Advento!

Ancorada na inteligente e sintética Homilia do Padre Márcio, no primeiro dia do Advento, em 02/12 corrente (Igreja João Moura), devemos lutar por mais firmeza em nossa Esperança. Para Padre Márcio Esperar significa um Ato de Esperança.

Estando próxima a segunda vinda de Jesus, devemos estar atentos, meditando em torno de nossa vivência. Particularmente, neste agora, cheio de vícios, é necessário que estejamos vigilantes frente às preocupações diárias, dores, enfermidades, ódio, ambição, empoderamentos, inveja, orgulho, emulações, hipocrisia e outros males que monstrificam o Ser Humano… E a Nação!

Repetindo Padre Márcio, não é preciso ter medo (entendemos que quem tem a consciência tranquila não deverá cultivar o receio; não tranquilidade de consciência puramente retórica e sim olharmos, verdadeiramente, para dentro de nós mesmos: nosso ser e nosso agir)

Padre Márcio, brilhantemente, afirmou que JESUS não virá como justiceiro e sim como JUIZ que fará prevalecer “a LEI e a JUSTIÇA ” na terra.

E quando ELE virá na nuvem, cercado de Anjos e Santos??? Ninguém sabe.

Parabéns, PADRE MÁRCIO!

OLIVEIRA FILHO.

Agradeço ao Jornalista amado e à querida amiga Dra. Edna Figueiredo, que me deu a honra de me representar, pois fui homenageada na apoteótica festa.

MÁRIO

Fui surpreendida ao receber o convite para a posse do amigo José Mário Silva Branco na ALCG. Realmente, não o sabia.

Compareci tomada de real alegria.

Uma noite belíssima e iluminada pelo discurso de Mário: pleonástico reafirmar seu talento. Discurso de longo fôlego, substantivo, fundamento por citações pertinentes e pelas mais modernas correntes da Crítica Literária.

Ronaldo Cunha Lima e Zé da Luz contemplaram Estrelas após a linda abordagem crítica do Mário.

Mário, sempre Mário! Aplaudidíssimo!

O auditório da Associação Comercial esteve tomado por ilustres personalidades. Sobriedade da família Branco; Sinaida, a dedicada esposa; Nice, a sogra estimada; Sevi, uma tia/mãe. Beleza de família.

A presença dos colegas da APL; dos Evangélicos; dos alunos; dos amigos; dos Intelectuais deu um toque de magnificência à Posse de Mário, presidida pelo Acadêmico Josemir Camilo.

Impossibilitada de permanecer até o final da cerimônia, lamento não ter ouvido o gênio Ricardo Soares.

Restam-me cantar parabéns para Mário e agradecer o carinho solidário de Marinho, cunhado de Mário.

AO MEU LEITOR:

Receba minhas renovadas Esperanças.

Os artigos postados no Paraibaonline expressam essencialmente os pensamentos, valores e conceitos de seus autores, não representando, necessariamente, a linha editorial do portal, mas como estímulo e exercício da pluralidade de opiniões.

Mais colunas de Elizabeth Marinheiro
Elizabeth Marinheiro

falecom@fhc.com.br

Arquivo da Coluna

Arquivo 2018 Arquivo 2017 Arquivo 2016 Arquivo 2015
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube