Fechar

Fechar

Tessituras

Elizabeth Marinheiro. Publicado em 1 de abril de 2018 às 9:55

SALVE JESUS DA RESSURREIÇÃO!

Que Ele nos faça, realmente, pessoas melhores e, permanentemente, voltadas para o BEM. Amém.

VIBRAÇÃO.

A reabertura pública, Calendário 2018, da I Seccional PEN da Paraíba foi coroada de êxito. Foram as Bençãos de DEUS.

Sob fortes aplausos dos presentes, o Grupo “Maestro Erivan Ferreira” apresentou-se magicamente. O maestro conduz o Grupo com danças inéditas, do ponto de vista coreográfico. Beleza!

A ordem do dia foi omitida, porém não impediu nossos agradecimentos à Comunidade por apoio solidário ao PEN e desejamos a todos um 2018 pleno de Saúde, Paz e uma participação multiplicada em favor de nossa Seccional. Confiamos.

A mesa composta, presidida pelo Escritor José Mário, recebeu as Homenageadas/2018, indicadas por terceiros e com muita pertinência: Dra. Adriana Melo, Dra. Auxiliadora Bezerra, Sra. Carminha Diniz, Leda Figueiredo, Laisa Grisi, Lucie Mayer Motta, Mércia Gouveia, Marilia Almeida e Marilia Helena Araújo.

Também participaram da Mesa o Presidente da ALCG, Josemir Camilo, o qual relembrou o inesquecível Médico/Historiador, DR. ELPIDIO DE ALMEIDA e lamentou a ausência de nomes que se elegeram para ALCG e, até agora, não foram tomar posse. Extranho… Também compuseram a Mesa, Sra. Nilice França, Presidente da RFCC, Jornalista Oliveira Filho e o Escritor, franco-brasileiro, POLÍBIO ALVES.

As homenageadas foram saudadas pela oradora oficial do PEN, Sra. Lourdinha Ramalho que, em discurso-sintese, inquestionavelmente substantivo, foi amplamente aplaudida. Talento, muito talento!

A maravilhos voz da benemérita Darcy Lelis, ao interpretar a “AVE MARIA”, anunciou o IN MEMÓRIA:

– Alegre. Sábio em fazer amigos. Médico devotado, que não fazia nenhuma diferença entre pobres e ricos. Querido amigo da nossa Seccional PEN. Presença constante em acontecimentos que contribuiam para o desenvolvimento campinense: DR. IVAN ALENCAR.

– O rosto germânico, a generosidade comprovada e o mais amigo SÓCIO CONTRIBUINTE desta Seccional, além de oferecer seu carro para conduzir aqueles(as) que não tinham como voltar, atitude que poucos adotam: CAP. JAILSON BEDOR.

– Elegante, ética, inteligente: PROFA. MARLUCE BRASIL

– Os doces brindados à Campina estão sendo transformados em manjares celestiais: NADJA MIRANDA

– Amor e paixão. Alegre e comunicativa. Muita dor, muito sofrimento: minha amiga ASSIMA HAMAD.

– Sobre ela já publicamos a crônica Tessituras. Porém não será pleonástico reafirmar seu vasto Conhecimento; sua humildade intelectual; a extraordinária devoção ao Magistério; o livro? seu companheiro permanente; Doutora pelo Saber Pleno adotado pelo MEC; reverenciada por alunos, alunas e por Campina Grande: a amada Mestra J. D. Barbosa.

– Linda, elegante, com o olhar verde das palmeiras imperiais. Seus maravilhosos vestidos, confeccionados por sua mamãe, despertavam atenções. Quatro décadas de convivência familiar, como assegura minha querida amiga Lucie Mayer Motta. Certo dia, encontrei-a numa residência(também frequentada por mim) e ela me disse: “se você disser a mamãe que me viu aqui, lhe dou uns “croques”. Esta frase, me parece hoje, um índice de sua jovialidade, alegria, postura lúdica, até porque, casada com o famoso médico Raiff Ramalho, mantinha sua face brincalhona.

CRONOS não avisaria que iríamos ter golpes implacáveis; perdemos pois irmãos, esposos e o pior: ela, dois filhos; eu, meu único filho. Marcas do Destino.

Redundante acrescentar a esposa dedicada, a mãe amiga, a vovó, a “bibi”.

Facilidade enorme para o escrever. Exímia autora de Acrósticos. Seu primeiro livro, tive o prazer de apresentá-lo diante de um numeroso público. Recentemente, com ela conversando, relembrou-me(irei cobrar de um segundo filho – Gustavo – essa edição) a publicação de “REMEMBRANÇAS”

Onde estará você que partiu sem me dizer adeus? certamente, beijando seus familiares, inclusive nossa TIA CINTA

Certamente, lendo C. de Abreu lá nas alturas!

Agora não mais o “que saudades que tenho/ da aurora da minha vida/ da minha infância querida/ que os anos não trazem mais”

Seus anos, querida ELIANE MAYER RAMALHO serão iluminados!

E sua infância sera eterna, abaixo da Misericórdia Divina. Deus a abençõe. Amém.

Na sequência, deu-se a solene outorga dos Títulos de HONRA AO MÉRITO, sob os acordes dos Hinos Nacional e de Campina Grande. Momento de grandes emoções.

Encerrando a reunião, fizemos uma mini-leitura em torno da grandiosa obra da CLARICE LISPECTOR.

Apartes da Dra. Célia Téjo e da poetisa Rochelle.

Durante a confraternização enorme alegria: convivência, bate-papo, “comes e bebes” e ótimas idéias. Glória ao Senhor!

Mais uma vez quero expressar minha gratidão ao significativo número de minhas ex-alunas. Felicidade!

E aos meus leitores, familiares, ex-alunas, ex-alunos, amigas e amigos, meus VOTOS DE ABENÇOADA PÁSCOA.

Os artigos postados no Paraibaonline expressam essencialmente os pensamentos, valores e conceitos de seus autores, não representando, necessariamente, a linha editorial do portal, mas como estímulo e exercício da pluralidade de opiniões.

Elizabeth Marinheiro

falecom@fhc.com.br

Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube