Fechar

Fechar

Tessituras

Elizabeth Marinheiro. Publicado em 8 de outubro de 2016 às 13:05

ELIZABETE-MARINHEIRO-556x417* Por Elizabeth Marinheiro

Téa, Celhinha, Célia.

Sempre a Dra. Célia Maria Ramos Téjo.

Nesta cidade, o principal cenário de Célia foi a praça “Antonio Pessoa”; em frente ao Campinense Clube, dos áureos tempos de César Ribeiro e Ruy Silva, residia a matriarca anfitriã, Senhora Alice Ramos Téjo.

Dona Alice – com riso de alegria e voz de ternura – transformara seu lar em residencial, que recebia familiares e amigos isento de exclusões. Ali, conversando/almoçando/ou jantando, todos nos sentíamos aconchegados.

Célia sempre ao piano: trocava deveres do colégio por horas e horas de piano. Dominava os Clássicos; parece que ainda ouço os sons de Mozart emergindo do seu perfeito dedilhar.

Suzie sempre mimada. Licinha e sua ironia machadiana. Dora, uma dama. Rosalice, a neta amada, não perdia um concurso dos carnavais infantis do Campinense Clube. E os filhos da Matriarca complementavam a união familiar.

Célia e eu fizemos os cursos Ginasial (Ginásio Alfredo Dantas) e Clássico (Colégio Estadual da Prata) juntas. Turmas inesquecíveis! “Anarquistas, graças a Deus”, sim!

Os caminhos são trocados! Formaturas em nível superior, casamentos, mudanças de geografia, viagens e outros fazêres. Mas, nunca ruptura de amizade.

Agora, a Dra. Célia completa oitenta anos, cercada de filhas, filho, nora, genros, netos e bisnetos. Celebra seu aniversário com a felicidade, seu traço permanente.

No grande salão, ela ingressa esvoçante qual ave azulada. Segue-a o cortejo familiar, acarretando o aplauso geral. Dança o “Parabéns pra você” em quatro ritmos. Inédito!

Música excelente. Repertório magnifico sob o Sax consagrado. Painel semelhante às berceuses. Buffet original. A euforia dominando a festa.

Festa hidratada pelo perfil, conciso e verdadeiro, que Ana fez de sua mamãe. Encanto!

Ao sair do “Mirante”, acompanhada por Leda/Bébé/Lizanka, meu imaginário “mirou-se” num espelho brilhante, refletindo Célia e suas “ousadias” azuladas… Parabéns, Téa.

I SECCIONAL PEN DA PARAÍBA.

No próximo dia 31 (segunda-feira), às 16:30h, na FIEP, nossa Seccional estará encerrando sua atividades públicas/2016.

Será uma tarde mais que informal, pois o tema é Carnaval.

Da pauta já constam: participação especial de Célia Téjo.

– Homenagem a várias personalidades campinenses.

– Mini-palestra sobre Backtin.

– Momento carnvalesco coordenado pela Profa. Arly Arnaud.

– Ciganas, palhaços, colombinas, seja o que VOCÊS quiserem.

Se Deus quiser. ELE quer.

ACONTECENDO

O “Garden Hotel” foi, mais uma vez, palco das obras assistências da Associação Cristã Feminina/ACF.

Com desfile da “Luanny Boutique” e apoio da Ótica Diniz, a presidente Dra. Mª do Carmo Arruda de Figueiredo liderou um chá comme il faut. Sucesso, Bébé!

ROTEIROS PLURAIS

– A famosa artista MARLENE NÓBREGA realizou, com absoluto êxito, sua exposição “A Arte por meio das Tesselas”, no Condomínio Nações Residence Privé. Mais fortalecidas as Arte Plásticas em nossa cidade.

– O Centro Cultural ARIANO SUASSUNA, em parceria com outras Instituições, revelou o cotidiano de mulheres do mundo inteiro, que sobrevivem no Brasil.

Vidas Refugiadas” retrata as guerras provocadas pelo “poder” da ambição, conotando, igualmente, a miséria brasileira.

– A Comarca de Mamanguape acaba de inaugurar o FORUM DESEMBARGADOR MIGUEL DE OLIVEIRA RAMOS. Mais uma ação vitoriosa do Eminente Desembargador Marcos Cavalcanti de Albuquerque.

ABRAÇOS.

Bem carinhosos para Lindalva Lili Gonçalves, Guia Mariano, Euda Braga, Aurinha B. da Fonseca, João Avelino, Cida Pinto, João hortensio e Eliane Moura.

* Professora-doutora, ensaísta, acadêmica e escritora campinense

Os artigos postados no Paraibaonline expressam essencialmente os pensamentos, valores e conceitos de seus autores, não representando, necessariamente, a linha editorial do portal, mas como estímulo e exercício da pluralidade de opiniões.

Elizabeth Marinheiro

[email protected]

Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube