...

Campina Grande - PB

O grito do excepcional

11/09/2017 às 8:15

Fonte: Da Redação

Por Rafael Holanda (*)

Ajuda-me a ser teu sol da manhã, tua serenidade da tarde e teus sonhos da noite.

Para que eu possa mostrar ao mundo nem que seja por um segundo, que sou a paz sob forma de amor.

Ajuda-me a ser tua melhor melodia, a beleza dos teus olhos para que o sorriso de felicidade seja a coroação do nosso lar.

Ajuda-me a ser teu eu tão profundo que nunca neste mundo haverá lugar para lágrimas, e sim esperança de bons sonhos sem fim.

Ajuda-me a ser compreendido, ser amado, e nunca desprezado; faça-me sua bandeira de luta e mostre ao mundo que eu posso ser útil.

Faz de mim um ser solidário para poder caminhar junto a todos, sem preconceitos que magoam e machucam e nos torna infinitamente pequeno.

Saiba que sou grato pela estrada de vida, e com o calor de tua ternura poderei quebrar o gelo da indiferença e transformar as mentes dos que maltratam em verdadeiro paraíso.

Mantém este sinal constante de amor para que eu possa manter aberta a porta da minha vida; perdoe-me se te feri por ser assim, mas a harmonia, e a consolação são gestos que nos unem.

Quando me sinto na indiferente, tenho como companhia a solidão e meu alimento maior é a angustia,já não surgem jardins de rosas e tudo se transforma em deserto.

Semeia em nossos corações as fibras da delicadeza; deita teu ombro sobre o meu para que nas alegrias possamos sorrir juntos, e chorar nas tristezas.

Guarda meus passos que estarei junto aos teus, para atravessarmos junto o dilúvio da maldade, buscar a unidade única que envolve o ser humano e aquece o coração de quem ama.

Dá-me a sensação que eu posso ser feliz e enriquecer junto as tuas verdades, tira-me do guarda roupa que me escondes e diz para o mundo: este é meu filho.

Vamos juntos vencer o infortúnio e soluço, o pranto e a lágrima para romper o elo das cadeias de ofensas e indiferenças como um bom combatente.

Faz de mim tua arma e tu serás meu escudo, numa sintonia de regar e amar, para que possamos crescer e mostrar ao mundo que a descriminação é coisa do passado.

Sou a benção que sossega a tua tempestade; a bengala nas tuas claudicações; o canto que acalma os teus pesadelos; o confessionário que te acompanhará na tua velhice; teu lenço nas tuas lágrimas.

Vamos pedir ao Senhor do universo que mantenha a nossa sabedoria para tecer uma única grinalda com essas duas flores vermelhas: amor e amor e assim teceremos a coroa da bem-aventurança.

(*) Médico

 

Veja também

Comentários

Simple Share Buttons