Fechar

logo

Fechar

Neutralidade da Internet

Alexandre Moura. Publicado em 22 de dezembro de 2017 às 15:14

Foto: Paraibaonline

Neutralidade da Internet

2018 vai começar com uma discussão, em nível mundial, que promete agitar o panorama da Internet. Trata-se da revogação, nos Estados Unidos, das “regras de neutralidade” da rede mundial de computadores.

A FCC (Comissão Federal de Comunicações dos Estados Unidos), revogou por três votos a dois, uma legislação em vigor desde 2015, que garantia essa neutralidade em todo território americano.

Caso a medida seja mantida, os provedores vão “controlar o acesso a conteúdos da Internet”, pelo menos nos Estados Unidos.

A medida acaba assim, com a Internet livre e aberta, no país mais conectado do planeta e deve “abrir brechas” para que outros países sigam o mesmo caminho.

Neutralidade da Internet (II)

Sem a neutralidade, a Internet nos Estados Unidos deixar de ter o “status” de “serviço de utilidade pública” e possibilita que os provedores possam “bloquear conteúdos, desacelerar a velocidade de conexão a determinados sites e cobrar para que usuários acessem estes sites”.

A medida está sendo duramente criticada por executivos de grandes empresas de TI (Tecnologia da Informação) como Google e Facebook.

Eles dizem, dentre outros argumentos contrários à decisão da FCC, que a partir de agora, “os provedores poderão bloquear conteúdos de empresas que usam a rede para enviá-los e cobrar por sua transmissão”.

Para especialistas, esta mudança é uma grande vitória das tradicionais empresas de telecomunicações (leia-se de telefone) que viram suas receitas caírem exponencialmente com o uso da rede por aplicativos como o “Whatsapp” e agora vão poder voltar a faturar. Certamente, esse assunto vai chegar ao Brasil ao longo de 2018.

ITA

Neste final de ano um marco foi superado no ITA – Instituto Tecnológico de Aeronáutica, entidade de excelência na formação de engenheiros na América Latina, localizado em São Paulo.

Com a formatura da 68ª turma foi alcançada “a maior quantidade de agraciados (seis) com a principal láurea da instituição, a Summa Cum Laude, que é outorgada “aos engenheiros que obtiveram média geral igual ou superior, a nove e meio, na escala de zero a dez” e, também, o formando com a nota mais alta da história do ITA”.

A turma “2017” teve 151 alunos concluintes na Graduação de Engenharias (Aeronáutica, Eletrônica, Mecânica-Aeronáutica, Civil-Aeronáutica, de Computação e Aeroespacial), sendo 116 civis e 35 militares.

Caindo

De acordo com o “Índice FIPE Buscapé”, que mede a variação de preços nas lojas de comercio eletrônico (e-commerce) brasileiras, os preços médios nestas lojas “completaram em novembro, 12 meses em queda”.

No mês passado o recuo foi de 3,59%. Caso a tendência seja mantida neste mês de dezembro, a “inflação do comércio eletrônico” será de 2,5% em 2017.

Os dados detalhados estão disponíveis no site da FIPE – Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (www.fipe.org.br).

Alexandre Moura é engenheiro eletrônico, MBA em Software Business e Comércio Eletrônico, Chairman da Light Infocon Tecnologia S/A e VP da Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado da Paraíba.

Os artigos postados no Paraibaonline expressam essencialmente os pensamentos, valores e conceitos de seus autores, não representando, necessariamente, a linha editorial do portal, mas como estímulo e exercício da pluralidade de opiniões.

Mais colunas de Alexandre Moura
Alexandre Moura

Engenheiro Eletrônico, MBA em Software Business e Comércio Eletrônico, Diretor da Light Infocon Tecnologia S/A e Presidente da Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado da Paraíba.

[email protected]

Arquivo da Coluna

Arquivo 2018 Arquivo 2017 Arquivo 2016 Arquivo 2015
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube