Fechar

logo

Fechar

Médico e escritor Rafael Holanda: Pequenos atos para refletir

Rafael Holanda. Publicado em 12 de agosto de 2020 às 9:22

Foto: Paraibaonline

Muitos passarão por estradas cercados por dúvidas e incertezas, outros viajarão de forma simples como que um pássaro, porque levam consigo a certeza do dever cumprido.

Não haverá dia melhor do que aquele que passa adiante frente uma ofensa, e conserva em seu coração o fervor de não renegar os seus princípios de amor ao próximo.

Nos tornamos infelizes quando usamos palavras sem antes refletir, quando ferimos antes de entender, e atingimos com a ofensa antes de escutar.

A rigidez frente aos nossos procedimentos é capaz de destituir toda imagem que a vida tinha guardado, pois há sempre autodestruição quando nós não intervimos no nosso mundo interior.

Abrigar o nosso corpo na sombra da verdade é mais forte que o poder da justiça; desfrutar a vida e a paz é conceder a arte de elaborar a beleza celestial para dirimir os erros.

Inundar de luz o caminho de um cego é fazer com que a oração se transforme em prece maior, é ir onde possamos ser a imagem de um entardecer com a brilhante luz da fé.

Tentar manter-se ereto no caminho, e de forma submissa obedecer aos preceitos básicos de uma vida simples; é trazer para si um triunfo onde existe a alegria que acalma e conforta.

Não devemos permitir que toda energia que emana do nosso corpo seja transformada em neve que se derrete decorrente da fria mentira que passamos adiante.

Compreender que a morte não leva em consideração atos realizados ou omissos, entender que as coisas certas e erradas possuem o mesmo peso, torna o homem capaz de refletir.

Preservar a esperança de que não terminaremos a nossa tarefa por aqui, e que a palavra maior tem o poder de tudo transformar; impede-nos de desistir e sucumbi às incertezas.

Que a compreensão nos seja a porta de tudo; que a tristeza seja apenas uma palavra; que as trevas sejam realmente luz, pois o divino Mestre em sua sabedoria soube traçar etapas.

Que os nossos pensamentos e sentimentos em todos os atos e palavras sejam com intuito maior de trazer a verdade onde o campo da mentira já tinha arado para cultivar.

Que o sono não vença a vontade de refletir de tudo ocorrido durante o dia; o que foi realizado, com acerto ou não; o que deixou de ser feito, e depois lamente os erros e alegre-se com os acertos.

Enfim, seja bom, seja bom, seja verdade, seja verdade, seja puro, seja puro, seja humilde como Jó; fecundo como a terra, e seja radiante como a luz do sol.

Share this page to Telegram

Os artigos postados no Paraibaonline expressam essencialmente os pensamentos, valores e conceitos de seus autores, não representando, necessariamente, a linha editorial do portal, mas como estímulo e exercício da pluralidade de opiniões.

Mais colunas de Rafael Holanda
Rafael Holanda

* Médico.

[email protected]

Arquivo da Coluna

Arquivo 2018 Arquivo 2017 Arquivo 2016 Arquivo 2015

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube