Fechar

logo

Fechar

Mário Tourinho: Se eu fosse prefeito (II)

Mário Tourinho. Publicado em 12 de fevereiro de 2020 às 18:36

Reitero o que disse não parte I destes escritos: eles correspondem, apenas, a um devaneio, sem que haja, portanto, qualquer pretensão relativamente ao contido em seu título. O que me move, mesmo, com este texto, desde a parte I, é dar alguns palpites relacionados às administrações municipais, na expectativa de que sejam apreciados pelos que estejam investidos na complexa e incompreendida missão de prefeito. E como já me referi um pouco à questão das vias da cidade com maior fluxo de trânsito, complemento-a chamando a atenção para o seguinte:

– Essa questão do trânsito envolve vários órgãos, não só os específicos (Semob, Detran, CpTran, Dnit, PRF), mas, também, os da infraestrutura e até uma Cagepa, porquanto as vias públicas, mesmo que só do ponto de vista físico, implicam, em si, responsabilidades diversas, a exemplo do que já apontei anteriormente: os bueiros instalados ao longo das vias públicas, alguns sem tampas e, neste caso, constituindo-se verdadeiras “bocas de lobo”. Em uma hipótese assim, a responsabilidade é de quem?

Aponto, pois, tal responsabilidade inicial como atinente à Prefeitura, através de seu órgão de trânsito, cabendo-lhe, portanto, articular os demais órgãos envolvidos com as vias públicas para que as deixem bem preparadas para a circulação de veículos. Por isto, a importância e indispensabilidade da ação interinstitucional entre os órgãos governamentais, em todas as suas esferas.

Ainda sobre essa questão dos bueiros nas vias públicas, atente-se com quantos todos temos convivido, com os veículos passando sobre eles, vários com as tampas desniveladas em relação ao asfalto (3 a 6 cm pra baixo), causando impactos, quebras veiculares e até acidentes. Ali, na Praça da Independência, bem em frente da avenida Epitácio Pessoa, ninguém observou que, há tempo, existe um, assim?!…

Share this page to Telegram

Os artigos postados no Paraibaonline expressam essencialmente os pensamentos, valores e conceitos de seus autores, não representando, necessariamente, a linha editorial do portal, mas como estímulo e exercício da pluralidade de opiniões.

Mais colunas de Mário Tourinho
Mário Tourinho

Administrador, atual presidente da Academia Paraibana de Ciência da Administração (APCA), ex-diretor institucional do Conselho Federal de Administração, ex-presidente do Conselho Regional de Administração, pós-graduado em planejamento operativo, diretor executivo do Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de João Pessoa de 1993 a 2016.

[email protected]

Arquivo da Coluna

Arquivo 2018 Arquivo 2017 Arquivo 2016 Arquivo 2015

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube