Mário Tourinho: Marcos Pires concorda que a capital mude para o interior

Mário Tourinho. Publicado em 12 de maio de 2021 às 12:13

Nossa intenção era, desta feita, e como sequência lógica, escrever a parte II do artigo cujo título foi o seguinte:-  “Que JP jamais seja uma RJ!… Como pensam a CMJP e a ALPB?!…”.

Naquele texto, ao seu final, disséramos que em sua parte II (que, de certo modo, com novo título, corresponde a estes escritos) mencionaríamos a cidade que entendemos como a mais adequada para constituir-se como a Capital do Estado da Paraíba, isto – conforme também afirmáramos – como instrumento mais eficaz para conquistarmos a interiorização do desenvolvimento paraibano.

Igualmente, naquele final de texto, questionamos: – “Como pensam a CMJP e a ALPB?!… Têm disposição (para não dizer ´coragem´) de promoverem o debate a respeito?!…”. (CMJP é a sigla da Câmara Municipal de João Pessoa, claro; e ALPB a da Assembleia Legislativa do Estado da Paraíba).

Como se percebe, mais do que uma radicalização em nosso ponto de vista sobre a pertinência da interiorização da capital como peça-mor para a interiorização do desenvolvimento, o que insistimos e persistimos é que a CMJP e a ALPB disponham-se (tenham coragem mesmo) de debaterem o assunto, convidando economistas, urbanistas, representantes dos vários segmentos sociais e, claro, políticos de todas as correntes, para expressarem-se a respeito do assunto e chegar-se a uma conclusão se essa interiorização da capital paraibana seria benéfica, ou não, tanto para a cidade de João Pessoa como para a Paraíba em seu todo!…

Na segunda feira, dia 10, tivemos notícia da repercussão que teve referido artigo, e, pessoalmente, ouvimos os comunicadores Cacá Barbosa e Cláudia Carvalho, na BandNews, destacarem o quanto polêmico é este assunto. E do instagram do conceituado advogado e articulista Marcos Pires (por quem temos especial respeito e admiração) repercutiu sua mensagem através da qual enfatiza: – “kkkk! Estão querendo levar a capital (João Pessoa) para o interior! Ora, ora! Não levando o mar, pode carregar até o centro administrativo”.

As palavras de Marcos Pires pareceu-nos um aceno de concordância quanto à interiorização da capital… desde que “não levando o mar”. E nisto vemos a assimilação de que, para ele,  em nada João Pessoa seria prejudicada quanto à qualidade de vida propiciada aos que aqui habitam! Ao contrário, poderá constituir-se em uma saída para a preservação dessas condições de qualidade de vida!…

Estes escritos, para não se apresentarem “pesados” ou “enfadonhos”, precisam de um “ponto final”, embora prontificados em ao mesmo assunto voltarmos dentro de alguns dias. Antes, porém, é pertinente (até exigível) que satisfaçamos a curiosidade de alguns (ou muitos) leitores quanto à menção da cidade que entendemos como a mais adequada para constituir-se como Capital da Paraíba. Na lógica de que deve ser um lugar que corresponda ao centro geográfico do Estado, portanto lugar que proporcione melhor equidistância em relação aos demais municípios da Paraíba (como foi o caso de Brasília em relação ao Brasil) e que ainda preserve características naturais sobre as quais possa ser construída/adaptada uma cidade/capital sem necessidade de desconstruções… e em que a densidade demográfica também se apresente como aberta a um crescimento habitável, este lugar é Taperoá (territorialmente maior que Patos e habitacionalmente sete vezes menor).

No próximo texto faremos mais ampla justificação!

Share this page to Telegram

Os artigos postados no Paraibaonline expressam essencialmente os pensamentos, valores e conceitos de seus autores, não representando, necessariamente, a linha editorial do portal, mas como estímulo e exercício da pluralidade de opiniões.

Mais colunas de Mário Tourinho
Mário Tourinho

Administrador, membro da Academia Paraibana de Ciência da Administração (APCA), ex-diretor institucional do Conselho Federal de Administração, ex-presidente do Conselho Regional de Administração, pós-graduado em planejamento operativo, diretor executivo do Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de João Pessoa de 1993 a 2016.

[email protected]

Arquivo da Coluna

Arquivo 2018 Arquivo 2017 Arquivo 2016 Arquivo 2015

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube