Quantcast

Fechar

logo

Fechar

Coluna de Patrícia Alves: Um beijinho doce para o Setembro Amarelo!

Patrícia Alves. Publicado em 10 de setembro de 2019 às 12:16

Quem nunca sentiu todas as extremidades do ser ao receber aquele beijinho, um abraço caloroso, o anúncio da comida preferida ou cheiro das flores?

Hoje, ao deixar Pedro na escola, apreciei um casal despedindo-se com aquele “selinho” rápido, singelo e discreto, carregado de boas vibrações e de zelo, repetido – creio eu – há uns 20 anos. Escutei internamente uma oração, uma bênção: Meu amor, que o seu dia seja repleto de paz!

Enquanto eu deleitava-me com aquela cena, escutava uma entrevista extremamente bem conduzida, quando um psiquiatra falava sobre sentimentos que levam à depressão, ansiedade, e podem levar à morte.

Respirei fundo, baixei o vidro da janela do carro, para sentir o vento friozinho de Campina, olhei atentamente para a paisagem do açude e pedi a Deus sabedoria para conseguir alegrar-me por enxergar a beleza de um beijinho doce, de uma criança sorrindo, um ipê florido, o sorriso de Pedroca e tantas outras coisas, que a gente nem imagina que faz bem para a alma.

Grata por tudo que tenho, desejo que a gente tenha sempre a quem amar, amar até debaixo de tempestades, amar a si mesmo, amar o cheiro do leite, do café, ter a capacidade de se alegrar pelo beijinho doce do outro e dizer todos os dias que a vida é uma dádiva.

Vida, sempre, amarela para nós!

Share this page to Telegram

Os artigos postados no Paraibaonline expressam essencialmente os pensamentos, valores e conceitos de seus autores, não representando, necessariamente, a linha editorial do portal, mas como estímulo e exercício da pluralidade de opiniões.

Mais colunas de Patrícia Alves
Patrícia Alves

* Jornalista e analista de projetos para captação de recursos públicos.

[email protected]

Arquivo da Coluna

Arquivo 2018 Arquivo 2017 Arquivo 2016 Arquivo 2015

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube