Fechar

logo

Fechar

Coluna de Ailton Elisiário: Homenagem da Academia

Ailton Elisiário. Publicado em 2 de setembro de 2019 às 12:09

No dia 30 de agosto a Academia Paraibana de Letras Jurídicas – APLJ celebrou 42 anos de fundação, empossando novo acadêmico e homenageando pessoas e instituições, dentre as quais fui agraciado com o título de Honra ao Mérito por serviços prestados à cultura jurídica e pelo conjunto de minha obra jurídica publicada, conforme comunicação oficial. A propositura foi apresentada pelo Presidente Ricardo Bezerra, a quem sou especialmente grato e aos seus pares pela aprovação.

A vida nos reserva muitas coisas boas, tais como familiares, amigos, metas alcançadas, estudos concluídos, trabalhos finalizados e reconhecimento. Ser reconhecido por uma organização tão importante, como a APLJ, que presta relevantes serviços à sociedade, e onde nela encontro juristas, operadores do Direito, professores, ex-alunos, irmãos de Ordem, pessoas amigas, torna-me profundamente agradecido pela lembrança e pela consideração.

Estou muito feliz, porém, a distinção me fez pensar na motivação desta honraria. De fato, tenho publicações na área jurídica, isto é, livros, artigos em revistas especializadas, trabalhos de pesquisa, produção acadêmica, pareceres e outros escritos. Porém, ao lado da minha atuação na advocacia, ressalto a minha atuação no magistério, complementada na literatura, que necessariamente integram esse conjunto da obra a que se reporta a Academia.

Na retrospectiva que fiz em rápidos lances de memória emergiram as causas judiciais que nos meus 34 anos de advogado patrocinei, os mais de 5.000 alunos que nos meus 50 anos de professor ensinei, os 6 livros e mais de 1.000 crônicas que em toda minha vida de escritor produzi, e mais que tudo isto, o meu sentimento de respeito e solidariedade, de justiça e paz, aos desafortunados da sorte, os excluídos da sociedade, que por toda a minha vida enche o meu coração.

Assim, o mérito que me credencia a receber este galardão de tão enorme grandeza e elevado significado, entendo ser primordialmente o de ter formado almas e mentes para a cidadania com responsabilidade, para o exercício da profissão com ética e qualidade, para a melhoria da educação e da cultura em nosso Estado e contribuído para o bem e o aperfeiçoamento da humanidade.

Agradeço esta homenagem e quero partilhá-la com Deus, o Grande Arquiteto do Universo, a quem devem ser dirigidas todas as glórias, e com a minha família, o meu sacrossanto lugar, destacando meus pais João e Irene que descansam na eternidade; minha mulher Socorro que me incentiva sempre; minhas filhas Danielle, Isabelle e Michelle, que vivem lutando por melhores dias; meus netos Lucas e Luísa, que são a esperança do nosso país; meus irmãos Hamilton, Adeilson e Ivanilde, que sempre me apoiaram, e meu sobrinho Eduardo Medeiros, que pugna com ardor pela advocacia de excelência. Sem eles, todo o meu trabalho estaria incompleto.

Aos membros desta Academia deixo a minha mensagem. Esta Casa tem sido a tribuna literária do mundo jurídico de nosso Estado. Notáveis pensamentos têm surgido da intelectualidade de seus componentes, no mister do aperfeiçoamento das letras jurídicas. Ao Presidente Ricardo Bezerra e a todos os membros, minha eterna gratidão.

Share this page to Telegram

Os artigos postados no Paraibaonline expressam essencialmente os pensamentos, valores e conceitos de seus autores, não representando, necessariamente, a linha editorial do portal, mas como estímulo e exercício da pluralidade de opiniões.

Mais colunas de Ailton Elisiário
Ailton Elisiário

O autor é economista, advogado, professor da Universidade Estadual da Paraíba e membro da Academia de Letras de Campina Grande.

[email protected]

Arquivo da Coluna

Arquivo 2018 Arquivo 2017 Arquivo 2016 Arquivo 2015

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube