Fechar

logo

Fechar

Benedito Antonio Luciano: Tempo para Deus

Benedito Antonio Luciano. Publicado em 27 de fevereiro de 2020 às 11:42

Recentemente, um colega me presenteou com um texto intitulado “Uma parada para Deus”, de autoria de João Roberto Albuquerque, pastor da Igreja Evangélica Verbo da Vida, com sede em Campina Grande – PB.

O referido colega sabe que, na condição de cristão, me interesso pela Palavra de Deus. Assim, independente de nossas vinculações religiosas, há entre nós o compartilhamento fraternal de reflexões sobre diversas passagens da Bíblia durante as caminhadas matinais que realizamos aos sábados e domingos no Parque da Criança, em Campina Grande.

Li o texto “Uma parada para Deus” duas vezes. Na primeira, não fiz anotações. Na segunda, fiz anotações no próprio texto e resolvi apresentar os seguintes destaques: 

Na página 9, há um parágrafo que transcrevo por considerá-lo oportuno e por ele encerrar uma preocupação não apenas sobre o tempo que destinamos a Deus, mas, sobretudo, no tocante à qualidade e ao nível de envolvimento associados a esse tempo.

Disse o pastor: “Infelizmente, mesmo reservando um tempo para ir à igreja, vejo que muitas pessoas não são guardiãs de seu culto. Elas estão fisicamente presentes na igreja, porém muitas vezes estão distraídas ou desrespeitosas. Compreendo a facilidade e até os benefícios de se usar a Bíblia em um tablet ou smartphone nos dias de hoje, mas ao fazer essa escolha devemos redobrar o cuidado de não acessar outros aplicativos que não contribuirão com o nosso culto”.

Igual preocupação ouvi de padres quanto à forma como alguns fiéis se comportam na igreja durante a missa. Não com relação ao uso de tablet ou smartphone, pois os católicos usualmente não costumam levar a Bíblia ou esses dispositivos para acompanhar a missa; mas com relação à falta de concentração durante o ato litúrgico ou até mesmo no tocante à forma inadequada de se vestir nessas ocasiões.

Sabemos, de fato, que tempo é prioridade e o que fazemos com ele é uma decisão pessoal. Igualmente, deveríamos saber que o tempo de Deus é valioso. Por isso, não podemos desperdiçar as oportunidades desse contato. Afinal, se reservamos parte de nosso tempo para o culto a Deus, temos que aproveitar esse momento sublime de forma plena. 

Na página quinze de “Uma parada para Deus” há outro parágrafo perfeitamente alinhado com o conteúdo do parágrafo anterior: “Por que muitos estão vivendo sem a inspiração do Senhor, sem desfrutar os direcionamentos do Espírito Santo? Porque se tornaram insensíveis, estão distraídos; têm tempo para tudo, menos para fazer uma parada para Deus”.

E prossegue: “Temos afirmado, com muitas desculpas ou justificativas, que não paramos porque não temos tempo. Mas será que isso é verdade? Aprendi que sempre terei tempo para o que eu considero importante”. 

No cotidiano, conheço pessoas que se preocupam mais em ostentar os símbolos do que dedicar o tempo às coisas de Deus. Para muitos é mais importante exibir em suas casas imagens de santos, crucifixos, uma Bíblia exposta em lugar de destaque e que em seus automóveis tenham pelo menos um terço pendurado no retrovisor.

Pessoas assim, estão mais ligadas à denominação religiosa do que a Deus, muito mais à forma do que ao conteúdo. São os que, no dizer do pastor João Roberto: “Conhecem a igreja e suas regras, mas se pedir para orar não conseguem fazê-lo por cinco minutos, pois não têm desenvoltura no seu relacionamento com Deus”. 

Certamente, aqueles que assim procedem, denotam que estão mais ligados às externalidades do que ao contato íntimo com o Criador por meio da oração contrita.

Share this page to Telegram

Os artigos postados no Paraibaonline expressam essencialmente os pensamentos, valores e conceitos de seus autores, não representando, necessariamente, a linha editorial do portal, mas como estímulo e exercício da pluralidade de opiniões.

Mais colunas de Benedito Antonio Luciano
Benedito Antonio Luciano

Professor doutor, titular do Departamento de Engenharia Elétrica da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG).

[email protected]

Arquivo da Coluna

Arquivo 2018 Arquivo 2017 Arquivo 2016 Arquivo 2015

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube