Fechar

logo

Fechar

Benedito Antonio Luciano: Gerenciamento de Energia (III)

Benedito Antonio Luciano. Publicado em 8 de abril de 2021 às 7:58

Prosseguindo a abordagem sobre o tema Gerenciamento de Energia, publicado nesta coluna nas duas semanas passadas, seguem alguns comentários sobre os seguintes tópicos complementares: Diagnóstico energético; Gerenciamento energético; Cogeração; Eficiência energética; e Qualidade de energia.

O “Diagnóstico energético” é a etapa que antecede a elaboração de um projeto bem fundamentado de eficientização energética. Em termos práticos, ele consiste de um detalhamento sistêmico e sequencial das etapas que nortearão os estudos da viabilidade técnica e econômica que servirão de base para a tomada de decisão quanto à implantação do referido projeto.

De maneira análoga a um médico que antes de prescrever a medicação faz uma análise minuciosa do paciente, levando em consideração o histórico familiar, exames, observações, sintomas, entre outros aspectos, o engenheiro também realiza análises preliminares em relação ao sistema energético sob estudo (auditoria energética).

O “Gerenciamento energético” é uma etapa posterior ao diagnóstico energético. Ele consiste na realização de ações que promovam a melhoria na utilização da energia, sob os seus variados aspectos.

Baseadas no diagnóstico energético, tais ações envolvem a implantação física de sistemas de medição e controle que, em última análise, resultem no uso eficiente dos recursos energéticos, tanto do lado da oferta (GLO), quanto do lado da demanda (GLD).

Rigorosamente, o termo “Cogeração” é um processo de conversão energética no qual ocorre a obtenção simultânea de energia elétrica (ou mecânica) e térmica (líquido, vapor ou gás) mediante a queima de um mesmo combustível.

Na prática, há exemplos de sistemas de cogeração utilizados em empreendimentos de diferentes portes, tais como: hospitais, “shopping centers”, centros administrativos, usinas do setor sucroalcooleiro, indústrias de papel e celulose, petroquímicas, plataformas marítimas de petróleo, hotéis e “resorts”.

Ao longo dos processos de conversão e do consumo de energia elétrica são registrados perdas e desperdícios. As perdas são inerentes aos processos de conversão e podem ser minimizadas, mediante o emprego de novas tecnologias. Os desperdícios estão intimamente relacionados ao uso inadequado dos recursos energéticos, devendo ser eliminados. Assim, de forma sintética, “Eficiência energética” significa reduzir perdas e eliminar desperdícios.

Neste contexto, no caso específico dos sistemas elétricos, desde a etapa de conversão, passando pelas linhas de transmissão e distribuição de eletricidade, até chegar aos equipamentos de consumo final, existem potenciais de eficientização a serem explorados, mediante ações que resultem na otimização e no uso racional da capacidade instalada.

No tocante à expressão “Qualidade de energia” pode-se dizer que é um conceito muito amplo para ser definido de forma resumida, pois existem muitas formas de energia passiveis de serem convertidas de uma forma em outra, cada com suas especificidades.

Por este motivo, restringindo o foco na energia elétrica, pode-se dizer que energia de boa qualidade seria aquela que a custos viáveis, garante o funcionamento adequado, seguro e confiável de equipamentos e processos, sem afetar o bem-estar dos usuários.

Em linguagem técnica, perda da qualidade de energia elétrica é qualquer distúrbio ou ocorrência manifestada na frequência ou nas formas de onda de tensão ou corrente que possam resultar em falta, má operação, falhas intermitentes ou defeitos permanentes em equipamentos conectados nos sistemas elétricos.

Share this page to Telegram

Os artigos postados no Paraibaonline expressam essencialmente os pensamentos, valores e conceitos de seus autores, não representando, necessariamente, a linha editorial do portal, mas como estímulo e exercício da pluralidade de opiniões.

Mais colunas de Benedito Antonio Luciano
Benedito Antonio Luciano

Professor doutor, titular do Departamento de Engenharia Elétrica da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG).

[email protected]

Arquivo da Coluna

Arquivo 2018 Arquivo 2017 Arquivo 2016 Arquivo 2015

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube