Fechar

logo

Fechar

Benedito Antonio: Como reduzir o consumo de energia elétrica no isolamento social

Benedito Antonio Luciano. Publicado em 21 de maio de 2020 às 10:38

Durante estes meses de isolamento social em que, por medida de prevenção contra a COVID-19, somos orientados a permanecer em casa e só sair para cumprir tarefas estritamente necessárias, muitos devem ter percebido o impacto disso no aumento dos valores mensais pagos pelo consumo de água e de energia elétrica.

Em face deste cenário, à guisa de colaboração, resolvi apresentar algumas sugestões de como reduzir o consumo de energia elétrica e, por consequência, o valor a ser pago na fatura mensal.

Iluminação: durante o dia, ligar as lâmpadas somente quando não existir iluminação natural suficiente no local para o desenvolvimento das atividades; manter apagadas as lâmpadas de dependências desocupadas, salvo aquelas que contribuem para a segurança; sempre que possível, substituir lâmpadas menos eficientes por outras mais eficientes e de menor potência, como, por exemplo, fluorescentes por LEDs.

Geladeira e freezer: instalar de acordo com as instruções contidas nos manuais dos fabricantes, pois nesses manuais estão descritas as orientações de como ajustar a temperatura, degelar e manter esses equipamentos em bom estado de conservação; como a parte traseira desses eletrodomésticos é onde ocorre a troca de calor com o meio ambiente, ela deve ser mantida desobstruída e jamais deve ser utilizada para secar panos ou similares; as portas das geladeiras ou freezers não devem ser mantidas abertas sem necessidade; alimentos e bebidas devem ser acondicionados de uma só vez e, em seguida, as portas devem ser fechadas; verificar periodicamente se as borrachas de vedação das portas estão em bom estado e, caso não estejam, providenciar a troca o mais rápido possível; para que a circulação interna do ar frio ocorra de forma eficiente, nunca forre as prateleiras com tábuas, plásticos ou outros materiais que obstruam essa circulação.

Aparelho de ar-condicionado: ligar só em casos de extrema necessidade; quando em uso, manter portas e janelas fechadas; na instalação, posicionar o equipamento na altura recomendada pelo fabricante de modo a obter a máxima eficiência; limpar semanalmente o filtro de ar; manter a saída de ar desobstruída, inclusive livre de cortinas; ajustar o termostato em torno de vinte e dois graus centígrados; quando necessário, providenciar proteção contra radiação solar direta sobre o condensador. Essas medidas contribuem para o uso eficiente do equipamento, reduzindo perdas e eliminando desperdícios de energia elétrica.

Máquina de lavar roupas e ferro elétrico: nesse período de confinamento domiciliar, sempre que possível, usar roupas leves que não necessitem de muito calor para serem passadas. Com isto, haverá redução no consumo de energia elétrica tanto na máquina de lavar roupas quanto no uso do ferro elétrico; o aquecimento do ferro elétrico várias vezes ao dia provoca um grande desperdício de energia elétrica. Por isso, habitue-se a acumular a maior quantidade possível de roupas, para passá-las todas de uma só vez; por segurança, quando tiver a necessidade de interromper o serviço, não se esqueça de desligar o ferro, pois, além de poupar energia elétrica, ainda evitará o risco de provocar algum acidente grave;  quando estiver ligado, não encoste o ferro elétrico no fio condutor de eletricidade que liga o ferro à tomada;  terminado o uso, não enrole o condutor ao redor do aparelho ainda quente;  não emende o fio condutor do ferro, pois em uso isto pode causar acidente. Caso o fio arrebente, substitua-o por um novo.

Computadores e celulares: mantenha-os ligados apenas quando estiverem sendo usados; entre algumas tarefas que podem ser feitas tanto pelo celular quanto pelo computador, prefira o uso do celular; caso esteja trabalhando de forma remota, escolha um local claro e ventilado em sua residência; planeje as atividades para serem realizadas durante o dia, evitando acender lâmpadas; como o elemento de maior consumo de um computador é o monitor, utilize os recursos de desligamento automático, isto fará com que ele desligue automaticamente após o tempo programado, sem a utilização do teclado. Depois, digitando qualquer tecla ou com um simples movimento no “mouse”, o monitor será religado.

Chuveiro elétrico: por ser um dos eletrodomésticos de potência elevada, o chuveiro elétrico é visto como um dos maiores responsáveis pelo consumo de energia elétrica numa residência, mas como a energia elétrica é medida pelo produto da potência vezes tempo, o maior ou menor consumo depende do tempo que o chuveiro fica ligado. Assim, quanto mais rápido o banho, menor será o consumo de energia elétrica e de água; nos dias quentes, utilize o chuveiro com a chave na posição “verão”. Porém, por medida de segurança, nunca mude a posição da chave (verão/inverno) do seu chuveiro, enquanto ele estiver ligado; procure limpar periodicamente os orifícios de saída de água do chuveiro, pois, se eles não estiverem limpos, a vazão da água será menor e a tendência é mantê-lo ligado por mais tempo.

Fornos elétricos e micro-ondas: os processos de aquecimento geralmente consomem grandes quantidades de energia. Por este motivo, o uso parcimonioso e racional desses eletrodomésticos requer algumas medidas práticas: realizar a instalação seguindo rigorosamente as orientações dispostas no manual do fabricante; ligá-los somente quando necessário; verificar e manter as portas em perfeito estado de vedação para que não ocorram desperdícios de calor para o ambiente externo; sempre que queimar o dispositivo luminoso que indica se o aparelho está ligado, esse dispositivo deve ser trocado.

Desta forma, adotando as medidas de segurança nas instalações elétricas, mantendo os eletrodomésticos sob boas condições de uso e utilizando água e energia elétrica com parcimônia, é possível desfrutar do conforto que elas proporcionam e sem ter que pagar nas faturas mensais valores onerados pelos desperdícios.

Share this page to Telegram

Os artigos postados no Paraibaonline expressam essencialmente os pensamentos, valores e conceitos de seus autores, não representando, necessariamente, a linha editorial do portal, mas como estímulo e exercício da pluralidade de opiniões.

Mais colunas de Benedito Antonio Luciano
Benedito Antonio Luciano

Professor doutor, titular do Departamento de Engenharia Elétrica da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG).

[email protected]

Arquivo da Coluna

Arquivo 2018 Arquivo 2017 Arquivo 2016 Arquivo 2015

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube