Quantcast

Fechar

logo

Fechar

A arte simples de agradecer

Rafael Holanda. Publicado em 20 de agosto de 2018 às 9:00

Agradeça sempre, mesmo que as coisas recebidas forem pequenas e sem significados aparentes, pois o forte do agradecer está na felicidade que se provoca.

Agradeça por tudo que possa cruzar o seu caminho, pelas orações, pelos risos, pelos abraços que te dão, por lembranças da sua imagem, e pelas belezas dos seus exemplos.

Agradeça pela paz silenciosa que acompanha a sua estrada, onde as flores nascem só pela sua presença e exalam o cheiro de bondade pelos seus atos praticados.

Agradeça pelo aperto de mão, numa demonstração de confiabilidade, pelos telefones recebidos, pelos amigos que a cada instante acompanham a sua ascensão e vibram pelos seus sucessos.

Agradeça pela vida, que apesar das suas surpresas em cada esquina do seu trajeto, tem significado maior, pois trás no painel do caminho uma herança recebida, e exemplos para serem deixados.

Agradeça na oração na noite por um dia de intenso sucesso, onde a força de sua virtude transformou o silêncio da incerteza em luminosidade de bondade e fé.x

Agradeça pela paz de sua casa, pela maneira ferrenha com que o Deus através de suas mãos protege os seus filhos, da miséria imposta pelo mundo da maldade.

Agradeça pela dor que surge e passa, enquanto muitos vivem dias de tormentos pelas dores sem fim, pela incerteza do amanhã, e pela dificuldade de encontrar um ponto de apoio.

Agradeça pelo acordar com a disposição maior de servir; retirar da miséria que se deitou em uma colcha de medo, e se levantou do pesadelo da fome.

Agradeça pelo seu vestido, por sua roupa que cobre o seu corpo, enquanto muito na vergonha da vida se expõe como retratos do holocausto nos mocambos da periferia.

Agradeça por ser forte e não necessitar de uma esmola, para que sua dignidade não morra de vergonha, e seu coração não se perca na inverdade da vida e nem na miséria do vicio.

Agradeça pelo sol que trás a luminosidade do dia, pela lua que ameniza a escuridão da noite e pelas estrelas que transformam em pequenos olhos a nos acompanhar.

Agradeça pela verdade, pela justiça, por um pobre que se levanta mesmo depois de se sentir que em vida já tinha morrido, pois nada pode nos acontecer, a não ser o que Deus nos destinou.

O bom da vida é saber entender que apesar das coisas que acontecem, sempre haverá um sorriso em alguma face de alguém com a finalidade de saber reconhecer as coisas boas da gratidão.

Não perca a oportunidade de ser feliz seja sempre a mão que se estende para ajudar alguém, a palavra que conforta, as canções que aliviam sofrimentos e assim as dimensões do seu horizonte serão bem mais belas.

Enfim agradeça pelo momento, pelo segundo adiante, por todos e por todas as coisas que surgem, afinal de conta, cada momento se desperta com a finalidade de mostrar que vale a pena viver.

Share this page to Telegram

Os artigos postados no Paraibaonline expressam essencialmente os pensamentos, valores e conceitos de seus autores, não representando, necessariamente, a linha editorial do portal, mas como estímulo e exercício da pluralidade de opiniões.

Mais colunas de Rafael Holanda
Rafael Holanda

* Médico.

[email protected]

Arquivo da Coluna

Arquivo 2018 Arquivo 2017 Arquivo 2016 Arquivo 2015

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube