Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

Para ministro do Supremo, o presidente da Câmara foi circense

Da Redação. Publicado em 9 de maio de 2016 às 23:59.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, criticou a tentativa do deputado e presidente interino da Câmara Waldir Maranhão (PP-MA) de anular o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff.

“É mais uma ‘Operação Tabajara’. Se não fosse um ato circense, seria realmente um ato criminoso, de tentativa de fraude”, declarou Mendes, segundo o jornal O Estado de São Paulo.

 

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube