Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

Delator denuncia a negociação de propina com o ministro da Saúde

Da Redação. Publicado em 2 de setembro de 2017 às 14:08.

foto: ABr

O delator Eduardo Lopes de Souza, dono da construtora Valor, afirmou à Procuradoria-Geral da República que negociou com o ministro da Saúde, Ricardo Barros (PP), a compra de um cargo no governo do Paraná pelo valor de R$ 15 mil mensais, noticiou o jornal Folha de São Paulo.

Os pagamentos teriam sido feitos a Juliano Borghetti, irmão de Cida Borghetti (PP), mulher do ministro e vice-governadora do Estado.

O empresário disse que o pagamento foi acertado em 2015.

Barros e o cunhado negam a acusação e alegam que os valores repassados foram remuneração de trabalho feito por Juliano.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube