Fechar

logo

Fechar

Arimatéa Souza

A alegria de olhar a vida ressurgindo e pedindo passagem

Arimatéa Souza. Publicado em 22 de abril de 2020 às 21:45.

Foto: Reprodução/Internet

Foto: Reprodução/Internet

Em tempos de pandemia, de aflições e incertezas, uma imagem oriunda da cidade de Petrolina, em Pernambuco, ganhou as redes sociais pelo Brasil.

Na verdade, a simbologia é a vida renascendo; a alegria tomando de volta o espaço ocupado pela dor.

É a protagonista da cura de um lado, celebrando-a com alguém que estava sendo instrumento de Deus, na face humana, dessa recuperação.

É a esperança, de que tanto falam e se apegam os cristãos, pulsando em meio às adversidades de um leito hospitalar.

O médico Pedro Diniz, que trabalha no Hospital Universitário da Universidade Federal do Vale do São Francisco, compartilhou um vídeo no qual dança com a primeira paciente a dar entrada na Unidade de Tratamento Intensivo por conta do coronavírus.

“No 1° dia de UTI eu a intubei. No 14°, a extubei (retirou). No 18°, a chamei para dançar. A 1° paciente da UTI COVID. Uma mensagem de esperança para pacientes, familiares e profissionais que combatem a doença”, escreveu Pedro Diniz.

A paciente deu entrada no hospital no dia 2 de abril e tem previsão de alta nas próximas horas.

A música escolhida foi ‘Asa Branca’, do cantor e compositor pernambucano Luiz Gonzaga.

Também a melodia é um hino à esperança e à resistência dos nordestinos.

Assista aqui, se emocione; compartilhe. É a vida pedindo novamente passagem!!

*Arimatéa Souza

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube