Fechar

Fechar

Arimatéa Souza

quarta-feira, 27/09/2017

Uma carta demolidora

Ele, de novo

O ministro Gilmar Mendes aproveitou a sessão que presidia ontem do Tribunal Superior Eleitoral para mais um desabafo: “Os erros do Judiciário vão se amontoando a toda hora”.

Adiante, bradou: “É preciso ter vergonha na cara”.

Pra libertar

“Agora para conceder habeas corpus, precisa-se ter heroísmo no Brasil. Que coisa retrógrada, que coisa lamentável”, vociferou Gilmar.

Insinuação

O ministro prosseguiu: “E aí aparecem uns aproveitadores, têm moral às vezes muito baixinha, mas que começam a fazer um populismo constitucional nesta área. Tipos que a gente conhece e diz: ‘já vimos você rodar bolsinha’. Agora aparece fazendo populismo constitucional. ‘Ah, agora eu sou o dragão’. Ora bolas. Vá catar em outra freguesia”.

´Malandro´

O ministro, que padece de incontinência verbal, avançou contra os colegas de toga: “Ah, mas as informações vieram do MP (Ministério Público)… E daí? Quem é que diz? As pessoas têm que ter responsabilidade. Se não quiser exercer a função, ou não entender isso, vai pra casa. Agora, se tiver que fazer, faça com decência. Entenda o que é essa matéria. Não apliquem o direito constitucional da malandragem”.

Tchau

Os deputados estaduais Edmilson Soares e Branco Mendes confirmaram que estão deixando o PEN, que trocou de comando na Paraíba e, em breve, mudará de nome nacionalmente – passará a chamar de ´Patriota´.

Desconsideração

“Na hora em que a direção nacional toma uma decisão dessas, eu creio que não há mais ambiente para permanecermos no partido”, comentou Branco, em entrevista.

Ele ainda não escolheu o seu novo destino partidário.

Da boca de…

“… Todas as reformas que Temer fizer têm uma ferida de origem, que é a ilegitimidade…” (Ciro Gomes, ex-ministro e presidenciável do PDT).

Predominância

O secretário de Educação do Estado, professor Aléssio Trindade, disse ontem na Rádio Caturité que a maior quantidade das mil vagas do concurso público que será realizado para a contratação de professores se destina a João Pessoa e Campina Grande.

Calendário

As inscrições deverão ocorrer em novembro e as provas serão aplicadas em dezembro.

Ao que tudo indica, as contratações serão feitas em bloco, no começo de 2018. Os salários iniciais variam de R$ 2.890,00 a cerca de R$ 4 mil, dependendo da titulação.

Entrega

O titular da SEC prognosticou que a escola técnica estadual que está sendo construída em Campina (ao lado do campus do IFPB, bairro Dinamérica) será ser inaugurada no começo do ano letivo de 2018.

Entre nós

O renomado escritor Frei Betto participa hoje – 19h, no Espaço Cultural, em João Pessoa – de um debate dentro do projeto ´Ciclo de Debates Contemporâneos da Paraíba´.

 

Abordagem

O tema é quase uma tese: “Avanços e intervenções da Cidadania para a refundação democrática da Política – Desigualdades sociais e profundidades das crises política, societária, civilizatória”.

Global

Quem vai estar em Campina Grande – nesta sexta-feira, 19h, no Colégio Motiva – é o professor e colunista do jornal Folha de São Paulo e da Globonews Demétrio Magnoli.

Vai proferir palestra sobre o tema “Crise Democrática e Transição na América Latina”.

Punição

Há poucos dias, a direção nacional do PT anunciou a suspensão por 60 dias do filiado Antonio Palocci Filho, ex-ministro dos governos Lula e Dilma, que está fechando uma delação premiada com a Operação Lava Jato, mas mesmo assim já adiantou algumas revelações bombásticas em depoimento ao juiz federal Sérgio Moro.

Desligamento

Ontem, Palocci abreviou o processo interno e anunciou a sua desfiliação em correspondência remetida à direção petista.

Missiva

O texto da carta de Palocci – de quatro laudas – é duro, impregnado de mágoas e de desabafos relativos ao partido e ao seu dirigente-mor Lula Inácio da Silva.

Um resumo, dado o seu caráter histórico, é o que segue.

Qual o limite?

“Até quando vamos fingir acreditar na autoproclamação do ‘homem mais honesto do país’ enquanto os presentes, os sítios, os apartamentos e até o prédio do Instituto (!!!) são atribuídos a Dona Marisa?

O que somos?

“Afinal, somos um partido sob a liderança de pessoas de carne e osso ou somos uma seita guiada por uma pretensa divindade?”

Futura confissão

“São situações que presenciei, acompanhei ou coordenei normalmente junto ou a pedido do ex-presidente Lula. Tenho certeza que, cedo ou tarde, o próprio Lula irá confirmar tudo isso.

Quedou-se

“(Lula) “sucumbiu ao pior da política no melhor dos momentos do seu governo.

Despregou-se

” ‘O cara’, nas palavras de Barack Obama, dissociou-se definitivamente do menino retirante para navegar no terreno pantanoso do sucesso sem crítica, do ‘tudo pode’, do poder sem limites, onde a corrupção, os desvios, as disfunções que se acumulam são apenas detalhes, notas de rodapé no cenário entorpecido dos petrodólares que pagarão a tudo e a todos”.

“Desmonte moral”

Ainda Palocci: “Um dia, Dilma e (José Sérgio) Gabrielli (ex-presidente da Petrobras) dirão a perplexidade que tomou conta de nós após a fatídica reunião na biblioteca do (Palácio da) Alvorada, onde Lula encomendou as sondas e as propinas, no mesmo tom, sem cerimônias, na cena mais chocante que presenciei do desmonte moral da mais expressiva liderança popular que o país construiu em toda nossa história”.

Quem controla o Supremo Tribunal Federal?...
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube